Home » Adote um Vereador, Câmara Municipal, Espaço Aberto, Política, Todas as notícias » Entrevista: Vereador Depieri fala sobre possível punição por viagem

Entrevista: Vereador Depieri fala sobre possível punição por viagem

ALEXANDRE BITTENCOURT DEPIERI: Presta??o de Contas 2008O vereador Dr. Alexandre Depieri (PSB), eleito nas eleições de 2008 com 2.654 votos, se ausentou entre os dias 12 a 25 de Outubro para uma Romaria com os membros da Igreja Santa Teresinha a Israel e a Terra Santa.

Deveria ser uma viagem histórica. E foi. Tanto lá quanto aqui.

Sem avisar oficialmente a mesa diretora da Câmara Municipal de Taboão da Serra, o vereador arrumou uma tremenda encrenca. Além de desagradar a maioria dos vereadores, Depieri viu um munícipe, Sousa, pedir oficialmente a punição do parlamentar.

Além disso, ele teve que antecipar uma decisão da câmara e abrir mão dos vencimentos durante este período.

Por falta de quórum, a reunião da Comissão de Justiça e Redação, composta pelos vereadores Alexandre Depieri (PSB), Olívio Nóbrega (PR) e Wagner Eckstein (PT), que deveria ter ocorrido na última sexta-feira, dia 6, para discutir as possíveis punições ao vereador Depieri, não aconteceu.

A entrevista abaixo foi realizada no dia 27 de Outubro na Câmara Municipal.

Confira:

 

[Taboão em Foco] Vereador Depieri. Por que você se ausentou por alguns dias de Taboão da Serra?

[Depieri] Na realidade a ausência se deu por um compromisso agendado em 2008. Uma viagem programada à Terra Santa. Há um grupo de peregrinos na qual eu faço parte e isso é notório a todos. Eu sou do Santuário Santa Terezinha e na época que nós tínhamos nos organizados para isso eu nem previa que eu seria eleito. Como a gente não tem bola de cristal tudo já estava programado.

E olhando o regimento [interno] eu vi a possibilidade de que isso pudesse ser feito. Então eu me ausentei do dia 13 ao dia 25 e fui até a Terra Santa. Me ausentei duas sessões.

As comissões [Justiça e Redação e Finanças e Orçamento] que eu faço parte o vice-presidente me representou sem haver nenhum prejuízo aos andamentos dos projetos que poderiam ser apreciados naquele período. 

No gabinete todos foram atendidos pela assessoria porque o gabinete ficou aberto.

É uma viagem que eu tenho certeza que muitas pessoas gostariam de fazê-la porque você tem lá muitas informações daquilo que faz e fortalece até hoje a humanidade: A vinda de Jesus Cristo.

Nota do Entrevistador: O vereador solicitou ao site TF que corrija a data da viagem. Ele afirma que viajou no dia 13. Porém, o site oficial da Romaria marca o início da viagem no dia 12 de Outubro.

[TF] E por que o vereador não avisou a câmara que iria se ausentar por mais de 10 dias?

[Depieri] Não havia necessidade pelo regimento interno. Nos seus artigos tanto 88 quanto o 14 ele prevê que você deve comunicar e justificar a sua ausência quando ela for por mais de 30 dias. Como ela era inferior a 30 dias não havia essa necessidade.

A sanção, punição, ou seja, o que eu devo ter é simplesmente receber proporcionalmente às sessões que eu tenho comparecido dentro do mês.

[TF] Os seus eleitores não mereciam saber isso?

[Depieri] Olha. Todos eles sabiam.

[TF] Como?

[Depieri] Porque a maioria dos que são meus eleitores e convivem comigo sabiam que nós já estávamos nos comprometendo e fazendo esse preparo para a terra santa.

[TF] O fato de ter sido eleito não deveria fazer o vereador não deveria abrir mão dessa viagem em nome de Taboão da Serra?

[Depieri] Na realidade nós devemos analisar assim.

O que eu estaria causando de prejuízo?

Perguntei, por exemplo, ao prefeito.

“Prefeito. Vou me ausentar por 12 dias. Há algum projeto aonde caberá a minha interferência, a minha articulação, enquanto do partido do PSB, que é coligado ao governo, que será apreciado nesse período. Que dependa estritamente da minha presença? Vai causar algum prejuízo?”

– Não há! [respondeu o prefeito]

Perguntei ao presidente do Partido PSB, Maruzan Corado, se haveria alguma situação aonde eu deveria estar presente.

Também não houve nenhum óbice. Me senti livre. Até porque eu deveria fazer a minha justificativa na primeira sessão em que eu viesse comparecer.

Foi o que eu fiz na tribuna.

Por Allan dos Reis / Foto: Câmara Municipal de Taboão da Serra

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentario

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online