Home » Sociedade, Todas as notícias » Alunos da rede municipal de Taboão vão receber vacinação contra HPV

Alunos da rede municipal de Taboão vão receber vacinação contra HPV

Dr. Renato de Ávila Kfouri esclareceu que a vacina contra HPV é muito bem tolerada e praticamente sem efeitos colaterais. (Foto: Divulgação / PMTS)

Por Rita de Cassia, da SeCom da PMTS

A Prefeitura de Taboão da Serra inicia campanha de imunização contra o Papilomavírus Humano (HPV). Antes da vacinação efetivamente os profissionais envolvidos estão sendo preparados com um programa de informação, treinamento e conscientização sobre HPV. Na solenidade de abertura, que ocorreu semana passada no CEMUR, o foco eram os educadores das 26 escolas municipais. A palestra médica foi conduzida pelo presidente da Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIM), Dr. Renato de Ávila Kfouri, que discutiu dados e explicou detalhadamente como é e como age a vacina. O médico elogiou a iniciativa da Secretaria Municipal de Saúde, visto que essa vacina não é distribuída pelos governos federal e estadual, o município é que deve manifestar interesse em adquirir a imunização, até mesmo por ser um medicamento de preço elevado, cada dose custa o equivalente a R$ 380,00 Reais. O palestrante abordou as formas de contágio, consequências epidemiológicas evolução da doença e a iniciativa da vacinação.

Serão vacinados os meninos e meninas matriculados na 5ª série das escolas municipais. A vacina é aprovada para uso em mulheres desde 2006, mas só em maio de 2011 é que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o uso em homens. Taboão da Serra saiu na frente e comprou a vacina também para os meninos. Outros programas de imunização gratuita já contemplaram meninas em fase escolar, mas esta será a primeira vez que o programa de imunização contra HPV em um município abrange também os meninos.

A vacina que será aplicada é a quadrivalente, única que protege contra os tipos 6, 11, 16 e 18 do vírus, responsável por 70% dos casos de câncer de colo do útero e 90% dos casos de verrugas genitais. Ambas as doenças são consideradas problemas de saúde pública pela Organização Mundial da Saúde (OMS). A medida garante que a imunização chegue à população adolescente antes do início da atividade sexual, em que se pode prever a diminuição das doenças causadas pelo vírus, a redução do número de consultas médicas e consequentemente o número de internações e de cirurgias, promovendo economia no orçamento do município. Ainda que durante a solenidade de abertura o prefeito Dr. Evilásio Farias tenha destacado que na opinião dele quando se refere à saúde e educação não se fala em gastos, e sim em investimento.

São necessárias três doses da vacina para garantir a proteção, por isso a parceria entre a Secretaria Municipal de Educação e a Secretaria Municipal de Saúde garante que as pessoas vacinadas completem o ciclo de imunização, pois será possível fazer um mapeamento das pessoas vacinadas e acompanhar o retorno para receber as doses subsequentes.

As fases de implementação da campanha prevê, além dessa palestra inicial aos professores e diretores, um ciclo de palestras e outras ações nas escolas para conscientizar os adolescentes e seus familiares sobre a infecção pelo HPV e as doenças relacionadas ao vírus, que também responde por mais de 90% dos casos de câncer de ânus e um terço dos casos de câncer de cabeça e pescoço.

A primeira etapa da vacinação será em setembro com a aplicação da primeira dose, a segunda fase vacinal terá início em novembro e a terceira, em março de 2012.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online