Home » Política, Todas as notícias » Apesar da promessa, Câmara de Taboão entra em recesso sem realizar a 2ª votação do projeto que altera o Plano Diretor

Apesar da promessa, Câmara de Taboão entra em recesso sem realizar a 2ª votação do projeto que altera o Plano Diretor

Por Allan dos Reis, da Redação

Os vereadores de Taboão da Serra entraram em recesso após realizar a votação da Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) em sessões extraordinárias realizadas nesta quinta-feira, dia 10. Porém, os parlamentares não realizaram a segunda votação do projeto de lei que faz uma série de alterações no Plano Diretor do Município conforme haviam acordado com os movimentos sociais.

Vereadores de Taboão da Serra entram em recesso. (Foto: Arquivo)

Vereadores de Taboão da Serra entram em recesso. (Foto: Arquivo)

O pedido para que o projeto não fosse votado partiu da Comissão de Obras, presidida pelo vereador Marcos Paulo (Pros) que afirma que ainda tem dúvidas em relação ao projeto e não havia mais tempo hábil antes do recesso para votação.

“A gente ainda tem algumas dúvidas em relação ao projeto, especialmente nas áreas que margeiam a Córrego Poá. Não dava mais tempo para chamar os técnicos da prefeitura para saber o impacto e houve acordo para que seja votado só depois do recesso”, afirma Paulinho, como é conhecido.

Antes da primeira votação, ocorrida no dia 1º de julho, houve ao menos duas audiências públicas com técnicos da Secretaria de Habitação.

O líder do MST, Paulo Félix, diz que foi informado pelo presidente Eduardo Nóbrega que o projeto não seria votado, mas que o compromisso continua mantido. “Há um impasse entre os vereadores. Mas não tem nada a ver com as áreas de ZEIS [Zonas Especiais de Interesse Social] já que demos um voto de confiança a eles [vereadores]. As conquistas do MST estão asseguradas”, afirma.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online