Home » Esporte, Cultura e Lazer, Todas as notícias » Artistas marcham e querem R$ 6,7 milhões da prefeitura para financiar produção cultural em Taboão

Artistas marcham e querem R$ 6,7 milhões da prefeitura para financiar produção cultural em Taboão

Por Williana Lascaleia, no Centro de Taboão da Serra

O Fórum Permanente de Cultura de Taboão da Serra realizou nesta segunda-feira, dia 16, uma marcha na região central para reivindicar 1% do orçamento [previsto em R$ 674 milhões] para ser investido no Fundo Municipal de Cultura. Esse valor não têm qualquer relação com o valor que será destinado a Secretaria de Cultura, também previsto em 1%. Participou da marcha pouco mais de 100 artistas que bloquearam por mais de meia hora a Rodovia Régis Bittencourt, na altura da Praça Nicola Vivilechio.

Artistas bloqueiam a Rodovia Régis Bittencourt para reforçar pedido de 1% para o Fundo Municipal de Cultura.

Artistas bloqueiam a Rodovia Régis Bittencourt para reforçar pedido de 1% para o Fundo Municipal de Cultura.

“Queremos com essa marcha chamar atenção do prefeito que não aceitou debater em uma reunião que pedimos e também chamar todos da sociedade para defender a cultura. Queremos garantir a nossa verba, pois não adianta nada ter um fundo sem verba alguma. O objetivo da marcha é fazer com que o governo invista em cultura”, afirma a delegada de cultura, Márcia de Figueiredo.

Nesta terça-feira, dia 17, será votada a Lei Orçamentária Anual (LOA), onde deve constar o valor solicitado pelos artistas para que conste no orçamento de 2014.

Os manifestantes iniciaram a concentração na Praça João Santucci, na divisa com São Paulo, onde tocaram e cantaram por quase uma hora. Dezenas de cartazes reforçavam o pedido. No momento em que a BR foi bloqueada, a música continuou e depois retornaram ao ponto inicial.

Durante todo o trajeto, os manifestantes pediam a valorização da cultura, cantavam, e uma das músicas dizia “Para a praça R$1 milhão, para a cultura nenhum tostão”.

A GCM não acompanhou o trajeto, apenas ficou na praça para cuidar da decoração de natal, nem a Polícia Militar. Quem ajudou a interditar a via foi a Semutrans, a Autopista Régis e a Polícia Rodoviária Federal. Não houve registro de conflitos.

One Response

  1. Lucas Santos disse:

    vAI TRABALHAR. POVO.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online