Home » Política, Todas as notícias » Audiência Pública discute novo plano de carreira da GCM de Taboão, que prevê melhoria salarial

Audiência Pública discute novo plano de carreira da GCM de Taboão, que prevê melhoria salarial

Por Allan dos Reis, no Jardim Helena

O esperado Plano de Carreiras da Guarda Civil Municipal de Taboão da Serra foi discutido no início da noite desta segunda-feira (11) na Câmara Municipal durante audiência pública convocada pela Comissão de Segurança para que o secretário de gestão de pessoas, Gilmar Leone, pudesse apresentar alguns pontos aos vereadores e aos guardas.

Secretário Gilmar Leone esclarece sobre o plano de carreira da GCM

Secretário Gilmar Leone esclarece sobre o plano de carreira da GCM

Um dos problemas do atual plano está na evolução de carreira, que pode ser feita de forma diagonal quanto vertical. “A minha função é explicar como funciona hoje a evolução e como vai funcionar com o novo plano. A cada dois anos há uma evolução (horizontal) de A para B. E em no terceiro ano existe a possibilidade de evolução vertical”, explica Leone.

Leone explica quais as novas faixas salariais e forma de evolução na carreira dos GCMs.

Leone explica quais as novas faixas salariais e forma de evolução na carreira dos GCMs.

É preciso destacar duas mudanças importantes que passará a vigorar. Atualmente, a carga horária é de 160 horas por mês. Porém, como os plantões são de 12 horas de trabalho por 36 de descanso, obrigatoriamente os GCMs trabalham entre 180h a 192h, sendo que as horas adicionais são pagas como horas extras. A partir da aprovação, extinguem-se as horas mensais e estabelece que serão 15 ou 16 plantões por mês.

“Nós agregamos a hora extra ao salário. E fomos checar se no novo enquadramento algum servidor perderia e ninguém vai perder um centavo”, esclareceu o secretário. Para exemplificar, usou-se dois casos concretos de guardas que estavam no local e temiam essa perda. Nos dois casos, houve aumento real de salário superior a 10%.

Para conseguir evoluir na carreira, os guardas vão precisar fazer cursos de titulação (graduação, pós-graduação ou doutorado) ou capacitação, que será oferecida pela Prefeitura ao longo do ano.

A presidente da comissão Érica Franquini (PSDB) fala sobre a audiência. “A avaliação é positiva porque estamos corrigindo um erro do passado, de um estatuto que foi alterado as pressas [em 2010] e acabou prejudicando a nossa Guarda. Esse plano está ajudando todos. Do iniciante aos mais antigos. Na minha visão é um modo carinhoso do prefeito Fernando Fernandes estar beneficiando [aumentando] o salário deles”, afirma.

O comandante da Guarda, Sandro Léo, elogiou o novo plano de carreiras e evitou comparações com a votação de 2010, onde os próprios guardas foram até a Câmara pressionar os vereadores para que votassem a favor.

“É um grande avanço e a gente deve isso ao prefeito Fernando Fernandes e a casa legislativa, que promete nos apoiar. […] Não dá para comparar com o passado porque [na época] foi feita de forma velada. E os guardas só tiveram conhecimento do estatuto quando já estava para ser apresentada a Câmara Municipal. Hoje a coisa está sendo clara e objetiva, com as portas abertas para discutir sobre o estatuto”, garante.

A presidente Joice Silva (PTB) promete chamar uma sessão extraordinária para essa quinta-feira (14) para votar o novo Plano.

Guardas Municipais, vereadores e secretários após audiência pública de segurança para discutir o novo Plano de Carreiras da GCM, que deve ser votado ainda esse ano.

Guardas Municipais, vereadores e secretários após audiência pública de segurança para discutir o novo Plano de Carreiras da GCM, que deve ser votado ainda esse ano.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online