Home » Política, Todas as notícias » Câmara autoriza prefeitura de Taboão a iniciar estudos para atualização da PGV, base do IPTU

Câmara autoriza prefeitura de Taboão a iniciar estudos para atualização da PGV, base do IPTU

Por Allan dos Reis, direto da Redação

A Câmara de Taboão da Serra aprovou na segunda-feira, dia 7, o projeto de lei que autoriza a prefeitura municipal a realizar estudos para atualização da Planta Genérica de Valores (PGV), que é a base de cálculo para o Imposto Predial Territorial e Urbano (IPTU). Apesar de aprovado por unanimidade, a proposta dividiu a opinião dos vereadores governistas e oposicionistas. Os parlamentares também aprovaram a proposta de empréstimo da TaboãoPrev (previdência dos servidores) ao poder municipal.

Mas foi uma emenda do petista Professor Moreira que dividiu situação e oposição, que acabou derrotada por 7 votos a 6 na tentativa de colocar uma emenda que dava prazo de 90 dias para que o estudo fosse feito.

Câmara de Taboão da Serra faz primeira sessão extraordinária de 2013. (Foto: Divulgação / CMTS)

“Reduzir o valor venal é reduzir o valor da nossa propriedade. Bastava apenas o prefeito mandar a alteração do código tributário e reduzir a alíquota (que calcula o imposto)”, simplificou Professor Moreira (PT), que teve o apoio de outros vereadores eleitos na oposição.

O vereador Marco Porta lembrou que o mandatário poderia fazer o estudo sem consultar a Câmara, mas preferiu compartilhar o projeto com os vereadores. “O prefeito Fernando Fernandes poderia ter feito esse estudo sem mandar para cá [Câmara], mas o prefeito chamou os vereadores [da situação] e disse que gostaria que todos vereadores participassem desse presente presente para o povo”, disse.

Já o vereador André Egydio (PSDB) lembrou que a proposta de atualização da PGV foi uma promessa de campanha aprovada pela população, que elegeu Fernandes prefeito. “O povo aprovou essa proposta nas urnas”, ressaltou.

DÍVIDA TABOÃOPREV

A Câmara também aprovou o projeto de lei que autoriza o parcelamento da dívida da prefeitura municipal com a TaboãoPrev (previdência social dos servidores). A dívida de R$ 10,8 milhões poderá ser parcelada em até 60 vezes. De acordo com o presidente da Câmara, Eduardo Nóbrega (PR), também serão pagos R$ 4,8 milhões da dívida.

Já curtiu o Taboão em Foco no Facebook?

6 Responses

  1. Gostaria que o povo de Taboão da Serra fosse mais respeitado pelos nossos políticos.que eles cumpram as promessa de campanha,exemplo;melhorar a saúde,educação,transporte e baixar os impostos.

  2. O professor disse:

    Lamentavél a posição da opisição que votou para alteração do PGV no governo anterior. E diz que vai desvalorizar o valor venal do imóvel, ra,ra,ra. Então que dizer se ele tem um imovél aqui no Taboão, ele vai vender de acordo que está descriminado no IPTU!!!! Me engana que gosto. Só teria que ter um reajuste de acordo com a situação do povo trabalhador que tem seu salario reajustado de acordo com a inflação!!!! E para qual destino teve o dinheiro arrecadado esse dinheiro todo, lógico, tirando o escandalo que teve nos anteriores a respeito do IPTU, que não reajuste os salários do funcionários públicos desse municipio, cadê!!!! Ah…. já sei !!! Foi para o bolso dos mais poderosos!!!!

  3. anonimous disse:

    existe uma lei que nunca foi cumprida, sou assistente administrativo e o salario nunca teve reajuste:
    lei complementar 18/1994, que se encontra no proprio site da prefeitura.
    http://ceaam.net/tbs/legislacao/
    1994
    Lei(s) Complementar(es)
    LEI COMPLEMENTAR Nº 017, DE 29/07/1994 (Prejudicada Parcialmente)
    A Organização Administrativa da Prefeitura Municipal de Taboão da Serra, criando Secretarias Municipais, bem como criando, modificando, alterando, transformando, extinguindo cargos, escala de referência, tabela de vencimentos e dando outras providências.

  4. Gomes disse:

    Taboão da Serra irá bater o recorde mundial em não ter reposição salarial. Já são 16 anos e logo, logo bateremos nos 20 anos sem reposição da inflação. O salário dos colaboladores do prefeito está em níveis de multinacional, mas, o pobre servidor concursado é pão e água, uma vergonha.

  5. MARIA disse:

    PEDRO, É UM TRISTEZA MESMO!!! O ALUGUEL NA MINHA CASA TODO ANO TEM REAJUSTE, OS ALIMENTOS, CADA VEZ MAIS CARO, E MEU PAI NAO TEM REAJUSTE PELA PREFEITURA DE TABOÃO DA SERRA HÁ EXATOS 17 ANOS!!!!! SERÁ QUE ESSE PREFEITO INCORRERÁ NESSA CONTINUIDADE ABSURDA?! ESTOU PENSANDO JUNTAMENTE COM OUTROS JOVENS, FILHOS DE SERVIDORES A RECORRER À OIT, E COMISSÕES INTERNACIONAIS ACERCA DESSE ABSURDO… MEU PAI TEM 3 FILHOS E É VIÚVO, É BEM DIFÍCIL PARA ELE… E O QUE O DEIXA MAIS INDIGNADO É QUE TEM GENTE QUE NUNCA ESTUDOU (A GRANDE MAIORIA) E TEM CARGO DE LIVRE NOMEAÇÃO, GANHANDO QUASE 10 VEZES MAIS QUE UM SERVIDOR CONCURSADO!!!

  6. Pedro disse:

    E OS SERVIDORES CONCURSADOS, SR. PREFEITO, QUE JÁ EM SUA GESTÃO ANTERIOR (8 ANOS) NÃO TEVE QUALQUER REAJUSTE?! O SR. NÃO PENSA EM AJUSTAR ESTE QUESTÃO TÃO GRITANTE?! OU PENSA EM FICAR MAIS 8 ANOS SEM OLHAR PARA ESSES POBRES MISERÁVEIS, QUE TAMBÉM NÃO FAZ JUS A VALE REFEIÇÃO NEM VELE TRANSPORTE?!?! PENSO QUE HAVENDO GREVE E MANIFESTO NA CIDADE, EXPLICANTO ESSA SITUAÇÃO CALAMITOSA À POPULAÇÃO, ISSO NÃO SEJA TÃO BOM PARA A IMAGEM DESSE SEU NOVO MANDATO!!! É SÓ COMPARAR O SALÁRIO DE UM LIVRE NOMEADO COM O SALÁRIO DE UM CONCURSADO QUE A DIFERENÇA É GRITANTE!!!

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online