Home » Política, Todas as notícias » Câmara de Taboão adia votação de PPA por mais uma semana para discutir emendas

Câmara de Taboão adia votação de PPA por mais uma semana para discutir emendas

Por Allan dos Reis, no Jardim Maria Rosa

Os vereadores adiaram por uma semana a segunda votação do Plano Plurianual (PPA) 2014-2017 de Taboão da Serra durante a sessão desta terça-feira, dia 19, e frustou mais uma vez integrantes de movimentos culturais que acompanhavam no plenário. O curioso é que a primeira votação aconteceu horas antes em sessão extraordinária.

Em tribuna, Cido explica os motivos do pedido de vistas, que culminou com o adiamento da PPA.

Em tribuna, Cido explica os motivos do pedido de vistas, que culminou com o adiamento da PPA.

A alegação para o pedido de vistas por 5 dias foi para que as comissões de Justiça e Redação, presidida pelo vereador Marco Porta (PRB) e a de Finanças e Orçamento, presidida pelo Cido (DEM), pudessem analisar dezenas de emendas propostas pelos parlamentares.

“Nós temos o plano plurianual que não deixa de ser uma peça orçamentária muito complexa e genérica. Até o início da sessão extraordinária a gente tinha uma emenda, mas chegaram até as minhas mãos 27 emendas e elas precisam ser analisadas com critérios. Por isso que nós pedimos cinco dias para vistas. Só isso. Não tem nenhum segredo”, explica Porta, que lembrou que o voto e o parecer da comissão são a favor às emendas da cultura.

Cido afirmou que “a comissão não pode ser irresponsável de votar uma emenda e ela correr o risco dela ser anulada”, diz.

Apesar da explicação, os artistas vaiaram ao final da sessão e prometem voltar mais uma vez para acompanhar a votação na semana que vem.

CLIMA QUENTE

Assim que foi anunciado o pedido de vistas, o vereador Luiz Lune (PC do B) fez gestos com as mãos de que os vereadores estariam enrolando para votar o PPA. Com isso, o presidente Eduardo Nóbrega (PR) foi a tribuna e disparou contra o colega. “Está na hora de vossa excelência parar de ser irresponsável”, criticou.

O petista Professor Moreira reforçou as críticas do colega comunista e diz que “lamenta” quando nada é votado durante a sessão.

Já na sala de reuniões, a discussão entre Lune e Nóbrega continuou e terminou com um abraço, mas sem pedido de desculpas por nenhuma das partes.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online