Home » Todas as notícias » Candidatas a vereadora de Taboão da Serra que não tiveram o próprio voto entram na mira da Justiça

Candidatas a vereadora de Taboão da Serra que não tiveram o próprio voto entram na mira da Justiça

Da redação do Taboão em Foco

As seis mulheres que disputaram as eleições municipais em Taboão da Serra e não tiveram nem o próprio voto podem ser investigadas por promotores eleitorais conforme recomendação da Procuradoria Regional Eleitoral de São Paulo (PRE/SP).

A Justiça eleitoral acredita que sejam candidaturas falsas apenas para simular que o partido cumpriu a cota de gênero em suas chapas. Das seis, cinco pertencem ao Partido da República (PR) e chegaram a receber dinheiro como doação eleitoral. A outra pertence ao PHS e não recebeu nenhuma doação.

Mulheres de Taboão da Serra que disputaram a eleição, e apesar da doação para campanha, não tiveram o próprio voto.

Mulheres de Taboão da Serra que disputaram a eleição, e apesar da doação para campanha, não tiveram o próprio voto. São elas: Deni Costa (PR), Gislene (PR), Lucilene Lousa (PR), Simone de Souza (PR), Simone Vanderlei (PR) e Geisa Alexandra (PHS).

No Estado, outras 2.349 mulheres também disputaram as eleições e sequer tiveram o próprio voto. Destas, mais de 1,2 mil estão em situação de suplência e poderiam assumir como vereadoras em seus municípios, mesmo sem voto.

O Taboão em Foco não conseguiu o telefone de contato das candidatas e não obteve resposta do presidente do PR, Anderson Nóbrega, partido com maior número de candidatas com votação zerada.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online