Home » Todas as notícias » Cartilha sobre Direitos das Pessoas com Deficiência no mundo do trabalho é apresentada em Taboão

Cartilha sobre Direitos das Pessoas com Deficiência no mundo do trabalho é apresentada em Taboão

Por Samara Matos, no Centro

Na manhã de quarta-feira (19), o Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (CMPD) comemorou o Dia Nacional da Pessoa com Deficiência e o lançamento da cartilha sobre direitos dessas pessoas no mundo do trabalho. O evento contou com a participação de quase 200 pessoas.

Para Roberta Penteado, coordenadora do Centro de Reabilitação Social, é importante falar sobre a inclusão no mercado de trabalho, pois muda a percepção das pessoas. “Esses meninos tem muito potencial, inclusive para o mercado de trabalho. Então, a gente luta para terem autonomia e através desses eventos as pessoas conseguem ter essa percepção”, diz.

Evento no Cemur celebra o Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência.

Evento no Cemur celebra o Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência.

A vice-presidente do CMPD, Fátima Rocha explicou a importância da chegada da cartilha ao mercado de trabalho.

“Nós estamos aproveitando a itinerância dos Estados que estão em conjunto com os coautores. São 41 pessoas de diferentes fazeres, mas todos com foco na inclusão da pessoas com deficiências no mercado de trabalho e  atenção a lei de cotas. A cartilha tem a importância de trazer referência de reflexão, não só a informação, mas o conhecimento de atuação. Ter o Ministério Público do Trabalho fazendo uma publicação específica, nos faz entender que esse é um material de grande qualidade e que vai ter uma repercussão muito boa, alertando  a população sobre a qualidade das pessoas com deficiência”, diz Fátima.

A comemoração também teve a participação de Claudinei Sarchesi, membro do Conselho Municipal, da secretária de assistência social, Arlete Silva, do vice-prefeito Laércio Lopes, do vereador Ronaldo Onishi (SD), de Carlos Aparício Clemente do Sindmetal e da Coordenadora Nacional da COORDIGUALDADE, Valdirene Silva de Assis.

Durante o evento o Centro de Reabilitação Social (CRS) fez uma apresentação em forma de coral e o Associação dos Deficientes de Taboão da Serra fizeram uma coreografia falando das diferenças.

CARTUNISTA DA INCLUSÃO

O cartunista Ricardo Ferraz, que ilustrou a cartilha, acredita que é através da informação que a sociedade fortalece a inclusão.

“Eu acredito na arte como instrumento de transformação social. Fui pioneiro em levar a história dos deficientes de forma humorada e clara. Em parceria com o espaço da cidadania, que é pioneiro na luta pelo cumprimento da lei de cotas, pensei. Por que não estar ilustrando cartilhas abordando a questão do mercado de trabalho, mitos e verdades. Quero que essa cartilha chegue a todos os setores. Esse evento em Taboão é tradicional, saio daqui feliz pela colheita e acreditando que é possível outra sociedade inclusiva”, afirma Ferraz.

O cartunista Ricardo Ferraz durante evento no Cemur, em Taboão da Serra.

O cartunista Ricardo Ferraz durante evento no Cemur, em Taboão da Serra.

A produção tem apoio do Ministério do Trabalho do Brasil e da Secretaria dos Direitos das Pessoas com Deficiência. Voltada para empresas, [ela] instrui gestores do setor privado sobre como respeitar e apoiar esse público”, completa o cartunista.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online