Home » Sociedade, Todas as notícias » Com bombas e dois atropelados, manifestação fecha a Régis Bittencourt por 2h

Com bombas e dois atropelados, manifestação fecha a Régis Bittencourt por 2h

Por Williana Lascaleia, em Embu das Artes

Régis Bittencourt foi bloqueada por quase duas horas.

Um grupo com cerca de 1,5 mil pessoas ligadas ao Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), integrantes do Movimento Passe Livre (MPL) da região aderiram ao “Dia Nacional de Luta” e bloquearam a Rodovia Régis Bittencourt (BR 116) na altura do Rodoanel Mário Covas em Embu das Artes por volta das 18 horas. A circulação de veículos foi bloqueada por cerca de duas horas. O grupo se organizou em apoio as manifestações

Os grupos começaram a se reunir em pontos distintos como a Praça Luiz Gonzaga em Taboão da Serra. Em seguida foram se agrupando e caminharam até a rodovia federal e bloquearam a circulação dos veículos queimando pneus e materiais. Nem mesmo a liminar concedida pela Justiça que proibia o fechamento de rodovias federais com multas de R$ 100 mil por hora inibiu o grupo.

Policiais chegaram a lançar bombas de efeito moral para tentar dispersar os manifestantes e liberar a Rodovia. O acesso ao Rodoanel Mário Covas também ficou bloqueado.

Já na pista paralela a Rodovia um homem que dirigia um veículo Brasília furou o bloqueio e acabou atropelando duas pessoas que não tiveram ferimentos graves e foram atendidos no local. O homem fugiu do local.

O outro incidente envolveu um ônibus da Viação Pirajuçara que se negava a ficar parado na via e tentou furar o bloqueio com manifestantes que tocavam instrumentos musicais. Após ser ofendido pelos manifestantes, ele conseguiu passar.

Por volta das 20 horas, a Rodovia Régis Bittencourt foi totalmente liberada.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online