Home » Sociedade, Todas as notícias » Diretores de cooperativa do sul do país vêm conhecer modelo da Vida Nova em Taboão

Diretores de cooperativa do sul do país vêm conhecer modelo da Vida Nova em Taboão

Por Williana Lascaleia, no Jardim Helena

Os representantes da Cooperativa de Habitação (Coohabit) de Blumenau (SC) estiveram na manhã de quarta-feira, dia 20, na sede da Cooperativa Habitacional Vida Nova para conhecer o modelo de cooperativismo implementado em Taboão da Serra. Após a visita, eles o modelo taboanense deve virar modelo para a cooperativa catarinense.

Participaram do encontro o presidente da Coohabit, Adelino Sasse, a analista do ramo habitacional do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop), Rosangela Santos, o engenheiro Fábio Barbieri, de Letícia Pasold e Ede Sasse, o presidente da Vida Nova, José Aprígio, e os diretores Hélio Tristão, Marilene Trapel de Lima e George Reis.

Diretores das duas cooperativas habitacionais durante encontro em Taboão da Sera.

Diretores das duas cooperativas habitacionais durante encontro na sede em Taboão da Serra.

Durante a reunião foi discutido o modelo de cooperativismo apresentando a população taboanense, que é um modelo barato e de alto padrão, e tem a confiança dos associados. A Coohabit vem tentando se reorganizar para receber um número maior de associados e levar para o sul do país empreendimentos de alta qualidade.

Visita ao centro comercial de Taboão da Serra, que deve ser inaugurado em 2014.

Visita ao centro comercial de Taboão da Serra, que deve ser inaugurado em 2014.

“Percebemos que precisamos de novos modelos de construção e vimos na [Cooperativa] Vida Nova um modelo muito bom a ser copiado. Nós viemos copiar o modelo daqui para levarmos para Blumenau. Espera-se com este modelo alavancar a habitação de qualidade. Hoje temos moradia popular, mas de baixa qualidade”, afirma Sasse, presidente da Coohabit.

O grupo visitou a sede da Vida Nova, dois prédios em fase de acabamento e o Centro Empresarial, que possui 842 mil metros e 456 escritórios, além de lojas e uma praça de alimentação, que está em construção e tem previsão de entrega total para o segundo semestre de 2014, além de um elevador panorâmico que sobe 2 metros por segundo.

Aprígio explicou durante a visita como funciona a administração dos empreendimentos e que cada condomínio tem sua conta, além de tudo ser separado por grupo, falou ainda que “cada compra é uma cotação”.

O diretor financeiro da Vida Nova, Hélio Tristão, contou alguns momentos marcantes da história da cooperativa aonde a população chegou a dormir na porta da sede para conseguir realizar a inscrição afirmando que a “cooperativa se auto-sustenta”. Há cerca de três anos a Cooperativa parou de fazer inscrição, mas acredita que hoje teriam 15 mil inscritos caso continuassem com as inscrições.

“É a Cooperativa que tem mais crédito. Se fizer inscrições hoje vai ter gente dormindo na porta de novo”, encerrou Aprígio.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online