Home » Política, Todas as notícias » Em agenda positiva, prefeito Fernando e vereadores de Taboão visitam obras; veja os detalhes

Em agenda positiva, prefeito Fernando e vereadores de Taboão visitam obras; veja os detalhes

Por Gilmar Júnior, em diversos bairros

Junto ao prefeito Fernando Fernandes (PSDB) e os secretários de comunicação e de obras, os vereadores que formam a base aliada na Câmara se reuniram em uma caravana que visitou 13 obras que estão em andamento no município na manhã desta segunda-feira, dia 13.  Ao todo, são cinco obras na área da saúde, quatro da educação, duas com foco no lazer, além da praça Jardim Oliveiras e a de construção de uma unidade do Corpo de Bombeiros.

A caravana teve seu primeiro destino no Parque Linear do Jardim Inocoop, local que terá pista de caminhada,  quadra poliesportiva coberta, uma quadra para a prática de futebol society, playground e espaço para recreação. “Eu vou ser usuário deste parque. Vou fazer caminhadas aqui. Porque hoje não temos um espaço para isso. Se alguém quiser fazer algo assim atualmente tem que ir a São Paulo”, disse Fernandes.

Caravana Prefeito_OTaboanense

Caravana do prefeito Fernando visita as obras em andamento em Taboão. (Foto: O Taboanense)

Na próxima etapa, a visita foi ao EMI (Escola Municipal Infantil) Parque Pinheiros, que já apresenta estágio final de obras. O local que pode abrigar até 224 alunos de 0 a 5 anos tem a promessa de entrega para o próximo mês de maio, assim como a EMI Jardim Irapuã que também foi visitada.  A EMI Jardim Record será inaugurada em junho, segundo o secretário de obras, infraestrutura e serviços urbanos, Rogério Balzano. “Essa EMI vai ser entregue um mês depois das outras porque a região enfrenta dificuldades de acessibilidade e com isso teve problemas para receber os materiais”, explicou.

Outro lugar de ensino verificado durante a visita é o da construção da ETEC (Escola de Ensino Técnico) Taboão. A obra que fica ao lado da escola Jornalista Wandyck Freitas e da sede da Prefeitura começou no final do mês de março.

UBSs

Em tempos de crise na área da saúde de Taboão da Serra, as obras de construção das novas UBSs (Unidades básicas de saúde) do Jardim Record (previsão de entrega para janeiro de 2016), Jardim Clementino (fevereiro de 2016), Jardim das Oliveiras (primeiro semestre de 2016) e a ampliação da unidade do Jardim Suiná, que contará com oito novas salas, foram locais visitados pela caravana. Outra construção foi a do centro de especialização no Pronto Socorro Akira Tada que terá o nome Dr. Maria José. Em estágio avançado das obras, Balzano afirma que a unidade será entregue em 120 dias.

SEM INTERNET

Durante a visita da reportagem foi constatado que a unidade a UBS Jardim Suiná não contava com internet, o que não permitia que pacientes retirassem os resultados de exames. Eles reclamaram ao prefeito, que pediu para o secretário de comunicação, Daniel Sá, verificar o problema. De acordo com Sá, ocorreu uma falha elétrica e que uma equipe da Eletropaulo iria reestabelecer o fornecimento da rede. A responsável pela unidade, Mayumi Takamura, afirmou que recorreu ao próprio celular para fazer a verificação dos resultados dos exames.

ARENA MULTIUSO

Com previsão de entrega para fevereiro de 2016, a obra no valor de R$ 10 milhões abrigará um complexo esportivo que contará com três quadras poliesportivas com arquibancadas que comportarão até 7 mil pessoas sentadas.  O espaço terá ainda pista de skate, palco tipo concha acústica, anfiteatro com capacidade para receber 100 pessoas, um mirante, entre outras áreas para o recebimento de diversos eventos.

Ao lado de vereadores, prefeito Fernando segura a planta da futura Arena no Jd. Record.

Ao lado de vereadores, prefeito Fernando segura a planta da futura Arena no Jd. Record.

Fernandes relatou que a obra terá ajuda do governo estadual e que o custeio da manutenção sairá do aluguel do local. “Quem quiser fazer evento (se referindo a empresas que pedirem para usar o espaço) vai ter que pagar. Isso vai gerar a renda que também será usada para pagar a manutenção”.

CORPO DE BOMBEIROS

Uma das obras que está em menor grau de evolução é a de construção do Corpo de Bombeiros em Taboão da Serra. O local, que o prefeito fez questão de enfatizar ser fruto de uma emenda solicitada pela deputada estadual e primeira-dama Analice Fernandes (PSDB), tem previsão para entrega em dezembro de 2015. Balzano informou durante a visita que a obra é de responsabilidade do governo estadual.

RESPOSTA A APRÍGIO

Ao término da visita, a caravana se reuniu na prefeitura para uma entrevista coletiva de Fernando Fernandes que falou além das obras de infraestrutura do município, sobre a questão da greve de lixo, os recentes pedidos de afastamento de seu governo protocolados junto à Câmara defendidos pela oposição e sobre a recente entrevista coletiva que o ex-vereador José Aprígio concedeu e que criticou a gestão de Fernandes.

O mandatário relatou que os pedidos de afastamento contra ele são articulados por Aprígio que “está usando partidos políticos para realizar as suas ações. As denúncias quem protocola é o Toninho do PC do B, mas partem dele (Aprígio). O que ele fez por Taboão da Serra? Só construiu prédios que enriqueceu ele e provocaram um aumento demográfico não planejado em Taboão. E outra, ele deve 36 mil metros quadrados [de terreno] ao município [o caso está na Justiça] ”, argumentou.

CANALIZAÇÃO DO CÓRREGO POÁ E FIM DAS ENCHENTES

Rua José Soares de Azevedo, perto do Morro do Cristo, foi uma das mais atingidas em Taboão da Serra. (Foto: Vera Lima)

Rua José Soares de Azevedo, perto do Morro do Cristo, foi uma das mais atingidas em Taboão da Serra nas chuvas ocorridas no mês passado. (Foto: Vera Lima)

A recente enchente que atingiu o município e que resultou na morte de uma pessoa. O córrego Poá o fim das obras. “Nós vamos duplicar a capacidade de vazão do córrego, justamente onde aconteceu a enchente. As obras maiores de contenção são do Governo do Estado. Mas o volume de chuva de 68 milímetros foi um terço da chuva do mês. Mesmo que a obra por ventura estivesse pronta, a enchente ocorreria também. Talvez não no mesmo volume, mas ocorreria”, respondeu.

GREVE DOS COLETORES DE LIXO

Outra questão polêmica é a greve dos garis e coletores que já dura mais de 20 dias. Questionado sobre isso, Fernandes se defende e diz que a população está cobrando para o fim da greve, mas como a empresa é terceirizada, o que ele pode fazer é solicitar o acordo em caso de paralisações como essa. “Não devemos nada para a empresa (Cavo). Temos um documento aí que comprova isso. Estão falando por aí que a greve é por causa de R$ 10 e que nós não damos esse aumento. A responsabilidade por isso é da empresa. O que podemos fazer é cobrar os 70%”, explica.

SAÚDE NÃO CRIA VÍNCULO COM TABOANENSES, DIZ PREFEITO

A área da saúde é a parte mais sensível atualmente no município. Com o recente retrospecto de casos de mortes suspeitas na rede municipal de saúde, outro assunto abordado foi sobre o atendimento médico ideal para o município. Fernandes, que é médico, afirmou que a “área é dinâmica, sempre vamos ‘correr atrás do rabo’” em relação a isso. “Temos que estar investindo sempre mais e mais. Os municípios não investem da mesma forma na parte da saúde. Temos a melhor saúde da região. Melhor que Embu, Itapecerica, São Paulo, em termos de prognósticos. Quando melhora a saúde, aumenta o fluxo de pessoas de fora para dentro. Chegamos a atender 40% pessoas que vem de fora”, diz.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online