Home » Todas as notícias » “Encontro do Autismo” em Taboão tem palestras e apresentações culturais para discutir inclusão

“Encontro do Autismo” em Taboão tem palestras e apresentações culturais para discutir inclusão

Por Allan dos Reis, no Centro

O “5º Encontro do Autismo” de Taboão da Serra reuniu mais de mil pessoas no Cemur na manhã de sábado (6), que puderam acompanhar palestras sobre o tema, incluindo uma palestrante autista, e apresentações musicais de pessoas com o transtorno. O evento foi organizado pelo vereador Ronaldo Onishi (SD), autor de lei que cria a Semana do Autismo no município.

Encontro para discutir o autismo foi organizado pelo vereador Ronaldo Onishi, autor da lei que criou a Semana do Autismo em Taboão da Serra. (Foto: Divulgação / Ronaldo Onishi).

“No primeiro momento nós quisemos conscientizar. Em seguida mobilizamos e agora estamos partindo para ações práticas. Foram mais de 1400 pessoas inscritas, que estão aqui para aprender e vão reproduzir esse aprendizado. […] As pessoas vão saber que aquela criança que está gritando, não é mal educada. […] é porque ela é autista e tem a questão comportamental. […] Uma das maiores virtudes deste encontro é levar o amor”, diz Onishi.

O autismo é um problema psiquiátrico que afeta a comunicação e a capacidade de aprendizado e adaptação da criança. Geralmente ele é diagnosticado antes de completar três anos de idade.

Capacitar e dar autonomia aos autistas são os grandes desafios, já que o transtorno não se assemelha a doença e por isso não tem cura. E as unidades de ensino podem desenvolver um trabalho primordial neste ponto. E o encontro teve a participação de muitas pessoas desta área.

Professor Fábio Moreira fala sobre a importância da educação para dar autonomia a autistas.

“As pessoas da educação estão correndo um pouco mais atrás de informação para entender como funcionam esses meninos autistas. Eu venho para ajudar e apresentar todas as ferramentas que a gente precisa para que o aluno autista, de fato, seja incluso no sistema de educação pública”, diz Fábio Oliveira, pedagogo e pós-graduado em saúde mental e Transtorno do Espectro Autista (TEA).

Fernanda Moreira tem autismo e palestrou sobre a interação com o meio social.

O encontro foi marcante por incluir entre os palestrantes pessoas com autismo como Fernanda Moreira Brito, aluna de Biblioteconomia da Universidade de São Paulo, que falou sobre a interação do autista com o meio social. Teve também participações culturais como do cantor Vinicius Faust, autista, que levantou o público e encerrou o evento.

Autor de uma cartilha sobre o Autismo, que desfaz alguns mitos e inverdades, o professor Eder Cassola Molina, diz que agora o desafio é conseguir levar informação a população em geral.

O que a gente precisa fazer, é [levar informação] para esse pessoal que está lá fora com publicações nas redes sociais e eventos como esses mais frequentes. […] O interessante era que todo mundo que não tem um autista na família, que não conhece essa condição, viesse a conhecer para receber bem um autista na escola, nos ambientes que ela frequenta”, diz Molina.

O encontro envolveu as Secretarias de Saúde e Educação de Taboão da Serra e contou com a participação de vários vereadores, da presidente da OAB Taboão, Elaine Abud Santana, além de outras autoridades.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentario

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online