Home » Política, Todas as notícias » Governistas se revoltam com prefeito Fernando por exclusividade a Eduardo Nóbrega em audiência na Secretaria de Educação

Governistas se revoltam com prefeito Fernando por exclusividade a Eduardo Nóbrega em audiência na Secretaria de Educação

Por Allan dos Reis, no Jardim Helena

Um grupo de vereadores da base do prefeito Fernando Fernandes (PSDB) se rebelou na sessão desta terça-feira (19) após o mandatário convidar apenas o líder do governo Eduardo Nóbrega (PR) para participar de uma reunião na Secretaria Estadual de Educação para tratar temas relacionados à reorganização escolar proposta pelo Governador Geraldo Alckmin (PSDB) no final da semana passada.

A deputada estadual Analice Fernandes e a dirigente de ensino de Taboão da Serra, Maria das Mercês, que apresentou a proposta de reorganização na região, também participaram do encontro com o secretário de educação Herman Voorwald em São Paulo.

Encontro entre dirigente de ensino, Maria das Mercês, o secretário de educação, Herman Voorwald, a deputada Analice, o prefeito Fernando e apenas o vereador Eduardo Nóbrega para discutir a reorganização escolar revoltou grupo de governistas. (Foto: Reprodução)

Encontro entre dirigente de ensino, Maria das Mercês, o secretário de educação, Herman Voorwald, a deputada Analice, o prefeito Fernando e apenas o vereador Eduardo Nóbrega para discutir a reorganização escolar revoltou grupo de governistas. (Foto: Reprodução)

“Hoje é um dia especial para o meu mandato. Estou na Secretaria Estadual de Educação, a convite da deputada Analice e do prefeito Fernando Fernandes para uma agenda com o secretário de educação do nosso Estado. Vamos discutir temas relacionados a reestruturação que foi apresentado, assuntos como o fechamento ou não da escola Alípio e […] mudanças em tantas outras escolas em nossa cidade”, postou Nóbrega em vídeo.

Alguns vereadores viram o encontro com uma traição do líder do governo porque o tema discutido por outros parlamentares, que aprovaram dois requerimentos cobrando informações do governador Alckmin e a garantia que nenhuma escola será fechada no município.

Além de boicotar o encontro semanal com o prefeito, um grupo de vereadores, entre eles, Cido (DEM), Ronaldo Onishi (SD), Marcos Paulo (PROS), Joice Silva (PTB) e Érica Franquini (PSDB), fizeram questão de esvaziar o plenário ou ficar de costas no momento em que o líder discursava em tribuna. Também tornaram públicas alguns pedidos para que o Governo realize em suas comunidades, de base da GCM a reforma de praças.

REBELADOS QUEREM NOVO LÍDER

Em conversa reservada com o Taboão em Foco, pelo menos dois vereadores garantiram que irão pedir ‘a cabeça’ do atual líder do governo Eduardo Nóbrega ao prefeito Fernando Fernandes. Apesar de saber que a chance de sucesso é muito baixa, eles dizem que a reunião sobre a reorganização afetou a confiança do grupo governista.

One Response

  1. jose alves disse:

    So não vê quem nao quer, existem vereadore de primeira, sefunda e ate a decima classe. De primeira classe so o Edu Nobrega esse tem tudo na saude, educacao e etc o restante e rest mesmo, se conformam com pouco…

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online