Home » Todas as notícias » Justiça decreta prisão do prefeito eleito de Embu das Artes, Ney Santos; político está foragido

Justiça decreta prisão do prefeito eleito de Embu das Artes, Ney Santos; político está foragido

Da redação do Taboão em Foco

O Ministério Público do Estado de São Paulo, através do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), deflagrou na manhã desta sexta-feira (9) a “Operação Xibalba” tendo como principal alvo o vereador Ney Santos (PRB), eleito em outubro prefeito de Embu das Artes com 64.828 votos (79,45% dos votos válidos).

Ney Santos tem prisão decretada e está foragido.

Ney Santos tem prisão decretada e está foragido.

De acordo com o MP, a operação é para desbaratar uma organização criminosa voltada à prática do crime de lavagem de dinheiro proveniente do tráfico de drogas, atuante especialmente nas cidades de Embu das Artes, Osasco, Taboão da Serra, Carapicuíba, Cajamar e São Paulo, instrumentalizada, em especial, através da constituição e administração de postos de combustíveis.

Ao todo foram 49 mandados de busca e apreensão, inclusive nas casas da mãe e irmã do político, em sua casa em Barueri, e mais 14 mandados de prisão preventiva, incluindo do Ney Santos, que agora é considerado foragido. Algumas pessoas foram presas e levadas ao Fórum da cidade.

Policiais chegam com mais um preso no Fórum de Embu das Artes.

Policiais chegam com mais um preso no Fórum de Embu das Artes.

Ao todo, 32 promotores de Justiça e 200 policiais da Corregedoria da Polícia Militar, que utilizaram inclusive cães farejadores, participaram da ação. Em entrevista à imprensa, o advogado do político disse que ele está viajando e que não iria se apresentar à Justiça.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online