Home » Sociedade, Todas as notícias » Motoristas não precisam mais pagar para estacionar nas ruas de Taboão

Motoristas não precisam mais pagar para estacionar nas ruas de Taboão

Por Allan dos Reis, no Centro, em Taboão da Serra

Fernando Fernandes, ao lado da deputada e esposa Analice Fernandes, decreta o fim da 'Área Azul'.

O fim da cobrança para estacionar nas ruas de Taboão da Serra, na chamada Área Azul, começou a valer a partir desta quarta-feira, dia 13, após o prefeito Fernando Fernandes assinar – em seu gabinete – na tarde de ontem (12) o destrato ‘amigável’ com a empresa que administrava o sistema rotativo, implantado em setembro de 2011. A decisão acontece um mês depois da Procuradoria Geral do Município apresentar relatório apontando uma série de irregularidades no contrato entre as partes.

“Essa reunião é para anunciarmos o fim do contrato do estacionamento rotativo, o nosso Zona Azul, de Taboão da Serra, que era um compromisso de campanha e foi uma queixa recebida durante toda campanha [eleitoral de 2012]. Chegou o dia. Esse é o dia tão esperado pela população”, anunciou Fernandes ao lado da deputada estadual e primeira-dama Analice Fernandes (PSDB), vereadores e secretários municipais.

Além da questão contratual, o repasse ao município era muito pouco. Só para se ter idéia, nos primeiros 16 meses de funcionamento, o consórcio repassou aos cofres públicos menos de R$ 7 mil. Em 2013, o valor ficou abaixo dos R$ 4 mil.

“Não era um contrato interessante para prefeitura. Era 94% para empresa e 6% para prefeitura. Nem sequer em arrecadação ele trazia algum benefício. Era um transtorno e não tinha razão de ser”, completou o prefeito.

Com a extinção da cobrança, a empresa deve começar a retirar das calçadas os equipamentos de cobrança.

COMO FUNCIONAVA

O valor do estacionamento variava entre R$ 1 (meia-hora) a R$ 4 (duas horas) e eram comprados através de parquímetros instalados por toda cidade. O período de cobrança era de segunda a sexta-feira das 8 às 18 horas e aos sábados até as 17 horas.

Vice-prefeito Laércio Lopes, vereadores e o presidente da OAB Taboão, Acácio Cleto, acompanham assinatura que selou o fim da Área Azul.

3 Responses

  1. Luciana disse:

    Menos Dona Nea, ele não fez mais que sua obrigação…
    A senhora se orgulha de tão pouco para ter prazer em ser Taboanense…
    LAMENTÁVEL…

  2. Eu fui vitima deste,e paguei uma multa como posso ter o valor devolvido, pois foi um abuso .

  3. OBRIGADA DR. FERNANDO, EU SABIA QUE O SENHOR IRIA NOS AJUDAR QUANTO A ISTO,EU TENHO O PRAZER DE SER TABOANENSE.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online