Home » Política, Todas as notícias » MTST protesta na Câmara de Taboão contra proposta de alteração de Plano Diretor

MTST protesta na Câmara de Taboão contra proposta de alteração de Plano Diretor

Por Allan dos Reis, direto da Redação

O Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) de Taboão da Serra protestou na Câmara Municipal na manhã desta segunda-feira, dia 7, contra a proposta de alteração do Plano Diretor encaminhada pelo prefeito Fernando Fernandes. Na chegada dos integrantes do movimento houve confusão e a Guarda Civil Metropolitana (GCM) lançou gás de pimenta no plenário.

MTST protesta na Câmara de Taboão da Serra. (Foto: Divulgação / CMTS)

O projeto acabou sendo tirado da pauta e deve ir à votação na quarta (9). A proposta é cancelar a votação feita pelos vereadores da antiga legislatura, que transformou algumas áreas em Zonas Especiais de Interesses Sociais (ZEIS) no Parque Laguna, Jardim Mirna e Jardim Helena.

“Vamos estar mobilizado contra qualquer tentativa de tirar um centímetro da área de ZEIS (Zona Especial de Interesses Sociais)”, disse Guilherme Boulos, líder do movimento, na tribuna da Câmara.

Já curtiu o Taboão em Foco no Facebook?

9 Responses

  1. Fabio disse:

    Gostaria de deixar minha opinião quanto a este tipo de movimento.
    Concordo que seja necessario “ajudar” os mais necessitados com projetos sociais, pois eu fui beneficiado por um (ProUni), mas deve-se fazer por merecer ter este direito, o que não pode e criar uma associação qualquer e cobrar uma mensalidade das pessoas iludindo que terão um terreno, e o dinheiro ir para um fundo da associação sem controle do que e onde foi gasto. Também acredito que os movimentos são legitimos, mas não se deve quebrar o patrimonio publico como o feito em votações anteriores deste projeto. Mas vale lembrar também que caso os terrenos sejam entregues ao movimento, o local sera loteado e em poucos dias teremos varios bares e bocas funcionando como ocorreu na invasão anterior no terreno do maria rosa

  2. André disse:

    Sr José, não sei qual condominio de luxo se refere, não é pq esses condominios tem piscina que são de luxo, as pessoas que moram lá provavelmente trabalharam duro para conquistar, não ficaram esperando nada da prefeitura, pelo contrário, são os que mais pagam impostos. Do jeito que o Sr fala “elite” parece que são mansões luxuosas e que os moradores são empresários poderosos.

  3. Claudio disse:

    Sra. Daniela parabéns pelas palavras você esta certinha… Essas pessoas não querem melhorias para a cidade.. quantas pessoas tem casa naquele terreno do Vila Iasi ? O governo para essas pessoas desses movimentos só é bom quando de alguma coisa de errado para eles que faz as vontades deles. que esse projeto seja vetado.. Pessoas assim só sabe fazer filhos para o Bolsa familia almentar.. trabalhar que é bom nada por que quem trabalha de verdade não tem tempo para estar na camara as 10:00 em plena segunda feira.. me desculpe mas vão conquistar a sua casa trabalhando e juntando dinheiro onestamente como muitas pessoas fazem. Mais uma vez Parabéns Sra. Daniela

  4. Daniela disse:

    Esse projeto deveria era ser TOTALMENTE VETADO. Acho um absurdo esse povo nunca fazer nada pra melhorar a própria vida e viver encostado em governo, prefeitura. Invadem área de risco sabendo do que pode acontecer, terra alheia, e querem ter direito àquilo que não é deles??? E isso é direito??? Querem creche, mas não param de colocar filho no mundo??? Claro, têm bolsa família, e tantas outras bolsas, pra que se preocupar não é mesmo?!? Tem quem pague!!! Se denominam trabalhadores, pobres, mas podem estar a frente de manifestação, gastando dinheiro com bandeira, camiseta, faixa, etc… quem trabalha não tem tempo pra isso, minha gente, e nem joga o pouco que ganha no lixo correndo atrás desse tipo de coisa. Quem trabalha e é honesto de verdade faz de tudo pra ter uma vida melhor, digna, sem querer bancar o esperto pra cima de ninguém… daí pergunto: que trabalhador, como eu, como a maioria (graças a Deus!) tem condições de participar de manifestações??? Não!!! A gente trabalha, passa 5 meses do ano trabalhando pra pagar impostos, quando precisa do que é do nosso direito de verdade (como um FGTS pra comprar um imóvel) é uma burocracia absurda… Daí vem um lá, se fazendo de coitado carente?!??! Pelo amor de Deus!!!! Querem fazer alguma coisa por gente pobre de verdade, que passa necessidade e muitas vezes nem tem o que comer??? Não vai ser em movimento nenhum que vão encontrar… lamentável a mentalidade do povo, é triste!!!!

  5. Daniela disse:

    Esse projeto deveria ser TOTALMENTE VETADO

  6. Cláudio,
    Faça o seguinte, dê seu nome e sobrenome e prove o que você está dizendo. Mostre quais são os terrenos, quem vendeu, quanto e quando.
    Prove quem recebe um centavo pra participar dessas manifestações em quem pagou.
    Infelizmente, a internet é um espaço onde os mentirosos e caluniadores se escondem atrás do anonimado para proferir seu ódio de classe aos mais pobres.
    Ser a favor do projeto do prefeito eu até respeito, mas querer espalhar mentiras como esse Cláudio faz é coisa de gente sem caráter e isso devemos abominar…

  7. Claudio disse:

    Sr. José Afonso esse MTST ganharam 2 terrenos no Municipio de Embu e os 2 terremos eles venderam e querem aqui em taboão ? tem que veta esse projeto pooq esse povo todo é uma farça ganham 50 reais de ex vereador para virem a camara.. todos ganham bolsa familia e querem ganhar em cima do poder legislativo tem que vetar esse projeto .. Isso tudo não passa de uma farça

  8. José Afonso da Silva disse:

    Interessante o comentário do Sr. André. Quando e enquanto a cidade está cheio de empreendimentos de luxo, não ouço uma palavra sobre os problemas acarretados por isso, agora quando se trata de trabalhadores pobres e da periferia ai sim…desperta um sentimento preonceituoso da elite dessa cidade…. não vai ter creche… não vai ter escola… vai gerar trânsito… Em Taboão não é apenas habitada por ricos

  9. André disse:

    Uma cidade que tem 70% das moradias contruidas em áreas invadidas não se pode esperar grande coisa. Por isso essa cidade não tem estrutura, ruas apertadas, transito intenso, onde a única diversão é ir ao Shopping que vive cheio e nem vaga no estacionamento se encontra.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online