Home » Todas as notícias » Muito além do olhar: Carolina Ramos expõe quadros para apreciação visual e tátil em Embu das Artes

Muito além do olhar: Carolina Ramos expõe quadros para apreciação visual e tátil em Embu das Artes

Por David da Silva

A pintora e psicanalista Carolina Ramos reside em Taboão da Serra desde 1989, e tem carreira consolidada com dezenas de mostras individuais e coletivas no Brasil e no Exterior. Mas sua obra nunca foi exposta em nossa região. A partir de 6ª-feira, dia 6, até 22 de abril, alguns de seus quadros estarão no Centro Cultural Mestre Assis, em Embu das Artes.

Uma amiga deficiente visual foi a inspiração que a artista desenvolvesse obras que fossem além do olhar. As palavras da amiga “lamento não poder ver seus quadros” deram o insight para que ela explorasse em seu trabalho sensações que excedessem a visão, com telas em alto relevo que podem e devem ser tocadas.

Centro Cultural Mestre Assis do Embu (Largo 21 de Abril, 29 - Centro, Embu das Artes). Informações: (11) 4781-4462. (Foto: Divulgação)

Centro Cultural Mestre Assis do Embu (Largo 21 de Abril, 29 – Centro, Embu das Artes). Informações: (11) 4781-4462. (Foto: Divulgação)

“Tive a ideia de ‘dar olhos’ à minha amiga fazendo um trabalho em que ela pudesse sentir o resultado, e também permitindo ao expectador explorar um outro recurso sensorial. Quero que as obras proporcionem um toque mútuo”, destaca a artista. A primeira exposição de Carolina Ramos em Embu das Artes apresenta 33 obras com curadoria de Paulo Dud.

NATURAL E SACRA

A temática de suas telas, produzidas desde 1992, é majoritariamente a natureza, com incursões pela arte sacra.

“Há telas que têm como objetivo incomodar as pessoas, com formatos fora de padrão e feitas com massa e assinatura de formas não convencionais. Nesse sentido, há uma certa relação com meu lado psicanalista, no sentido de exteriorizar sensações, ou seja, a tela indo além da moldura, transpondo”, acrescenta.

Carolina tem relação visceral com os quadros que leva ao público: “Se eu não me expuser, sinto um vazio. Eu pinto para o mundo. A sensação de ver as pessoas ‘sentindo’ meus quadros é um desnudar, é como se o público estivesse olhando dentro de mim”.

A arte plástica entrou na vida de Carolina Ramos aos 16 anos de idade. Depois, formou-se em psicanálise. Nascida em Portugal, mudou-se para o Brasil quando tinha 4 anos.


SERVIÇO:

Carolina Ramos: Do Olhar ao Toque

Vernissage: sexta-feira, dia 6 de abril, às 19h

Exposição: de 6 a 22 de abril – Grátis

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online