Home » Sociedade, Todas as notícias » Operação conjunta da Polícia impede “encontro de jovens” no Shopping Taboão

Operação conjunta da Polícia impede “encontro de jovens” no Shopping Taboão

Por Williana Lascaleia, no Jardim Helena

 

Na tarde deste sábado, dia 21, a GCM, GARRA, Polícia Civil, Polícia Militar e a segurança do Shopping Taboão, que foi reforçada, atuaram em conjunto  para evitar que acontecesse o encontro de cerca de 7 mil jovens, articulado por meio da rede social, facebook. O encontro que segundo os jovens seria “só uma curtição” não deu certo. Compareceram cerca de 300 jovens e alguns ao ver o forte esquema de segurança foram para outros locais.

Com mais de cem policiais, muitos a paisana, o shopping foi monitorado durante toda a tarde, inclusive com blitz e apreensão de motos. No fim do dia, um carro Peugeot, de cor azul, foi apreendido dentro do estacionamento do shopping. O veículo estava com o som alto, tocando música no estilo funk e o condutor não foi localizado junto ao veículo. Segundo o secretário de segurança, Gerson Brito, seria feito um baile funk no estacionamento do shopping.

Praça de alimentação próximo do horário de começar o evento - Foto Wiliana Lscaleia

Praça de alimentação próximo do horário de começar o evento – Foto Wiliana Lscaleia

“A estratégia era que começasse um baile funk em torno do veículo”, afirma o secretário.

 

Logo pela manhã as portas das lojas que dão acesso ao estacionamento foram fechadas e receberam o aviso de estarem em manutenção, ficando somente as entradas principais para a entrada e saída do estabelecimento. A polícia fez um grande esquema de segurança em toda a região.

Comunicado colocado no início da manhã nas portas das lojas que dão acesso ao interior do shopping

Comunicado colocado no início da manhã nas portas das lojas que dão acesso ao interior do shopping

Mesmo com a ameaça de superlotação do shopping por mais de seis mil jovens, ainda assim muitas famílias foram passear e fazer compras no centro comercial. Muitos diziam não ter medo, pois se sentiam seguros com a presença da polícia.

“Não tenho medo. É complicado, você precisa fazer compras. Eu vim, mas estou apreensiva. Não vou parar minha vida por causa de adolescentes. Acredito no trabalho da polícia”, afirmou Regina Oliveira,  do Jardim Guarau.

 

SHOPPING CAMPO LIMPO

 

Acreditava- se que os jovens tivessem transferido o evento para o outro shopping, o que não aconteceu. Segundo informou a assessoria de imprensa do Shopping Campo Limpo, a segurança foi reforçada pelo movimento das festas de fim de ano e que nenhum evento foi realizado na tarde deste sábado, além do funcionamento normal. Foi notado apenas um fluxo maior de jovens.

 

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online