Home » Política, Todas as notícias » Pedidos da oposição para investigar prefeito fazem presidente e líder trocarem farpas; governistas também divergem no contra-ataque

Pedidos da oposição para investigar prefeito fazem presidente e líder trocarem farpas; governistas também divergem no contra-ataque

Por Allan dos Reis, no Jardim Helena*

A Câmara de Taboão da Serra deve ter mais uma sessão tensa na noite desta terça-feira, dia 7, com mais um pedido de abertura de investigação contra o prefeito Fernando Fernandes (PSDB), protocolado pelo presidente do PC do B, Toninho. Se confirmado, essa será a terceira sessão seguida em que o pedido têm que ser lido na íntegra antes da votação se é procedente ou não.

Líder do Governo na Câmara de Taboão, Eduardo Nóbrega, quer que pedidos de investigação contra o prefeito sejam 'barrados' antes de chegar no plenário.

Líder do Governo na Câmara de Taboão, Eduardo Nóbrega, quer que pedidos de investigação contra o prefeito sejam ‘barrados’ antes de chegar no plenário. Ele também reclama da postura de parte dos vereadores governistas.

O líder do governo, vereador Eduardo Nóbrega (PR), acusa o ex-vereador José Aprígio, marido da vereadora Luzia, de ‘patrocinar’ essas denuncias como forma de antecipar o pleito eleitoral de 2016.

“Vão transformar o poder legislativo em poder judiciário. Nós vamos passar as sessões na Câmara votando denuncias apresentadas. Faz parte, mas poderíamos fazer um grande pacto pela cidade e, se houver alguma grande denúncia fundada que justifique que a Casa pare e leve até mesmo a cassação do prefeito municipal, que fosse feito com esse viés. [Mas] está claro que é um viés político com uma tentativa de antecipação do pleito [eleições de 2016], patrocinado pelo senhor José Aprígio, que é, claramente, deixado isso na última entrevista, candidato a prefeito na próxima eleição, de oposição ao nosso governo”, afirma Nóbrega.

Vereador Cido afirma que todos os pedidos de abertura de investigação serão lidos caso cumpram o que determina a lei.

Vereador Cido afirma que todos os pedidos de abertura de investigação serão lidos caso cumpram o que determina a lei.

Ele pede que o presidente Cido (DEM) tome providencia para barrar as denuncias sem que eles cheguem ao plenário. “Volto a minha crítica a presidente da Câmara. Ele precisa tomar uma postura e defender o parlamento. Está desmoralizando o parlamento de Taboão da Serra. Vamos passar toda terça-feira fazendo isso? É a segunda. Ele tem meios legais para avaliar previamente e dar um despacho liminar arquivando essas denuncias sem justa causa”, exigiu.

Em resposta, Cido negou que vá realizar qualquer manobra para “engavetar” as denúncias e garante que vai seguir o que determina a lei. “Todas as vezes que tiver denuncias e seguir os parâmetros, elas têm que ser lida na sessão seguinte em plenário. Eu não vou, de forma alguma, pular qualquer questão regimental. Vivemos em democracia e nela tem o direito de questionamento. O Eduardo [Nóbrega] tem uma forma de pensar e eu tenho outra. Jamais na minha presidência, eu iria engavetar ou fazer qualquer forma que não esteja no regimento, na constituição federal ou no decreto-lei 201/67”, respondeu.

CPI CONTRA APRÍGIO DIVIDE BASE

Uma das respostas de parte dos governistas seria a criação em uma CEI [Comissão Especial de Investigação], semelhante a CPI, contra o ex-vereador Aprígio para investigar os transmites da desapropriação pela Prefeitura de Taboão – na gestão passada – da Avenida Vida Nova, que liga a Rodovia Régis Bittencourt ao Jardim Maria Rosa.

Porém, o líder do governo Eduardo Nóbrega reclama da falta de apoio de alguns vereadores. Ele chegou a anunciar uma reunião dos 10 vereadores da base com o prefeito Fernando na quarta passada (dia 1), mas apenas cinco teriam comparecido. “[…] Tenho a sensação que não vou ter a retaguarda e isso me chateia”, reclamou.

Aprígio durante coletiva de imprensa em que fez críticas a gestão do prefeito Fernando Fernandes.

Aprígio durante coletiva de imprensa em que fez críticas a gestão do prefeito Fernando Fernandes.

Para a sessão desta noite (dia 7), funcionários de livre nomeação foram “convidados” para comparecerem a Câmara Municipal.

* atualizado às 17h46 para correção do nome da Avenida Vida Nova.

2 Responses

  1. Eliane disse:

    Isto é uma pouca vergonha!!! Sem fim!

  2. Antonio Luiz disse:

    A manobra política que estou vendo vem por parte do nobre vereador EDUARDO NOBREGA… matando tres coelho com uma cajadada só… ele está estimulando a briga entres o Fernando e o Aprigio e tentando forçar o presidente da camara a um erro regimental jogando o no buraco… O vereador Eduardo Nóbrega trouxe uma herança maldita do CLÃ NOBREGA… A mais pura maldade, por isso nunca atingem seu objetivos… sempre coadjuvantes e puxa saco de prefeitos de Taboão da Serra…

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online