Home » Sociedade, Todas as notícias » Policiais e colaboradores recebem homenagem do Conseg Monte Alegre e presidente faz críticas ao Governo do Estado

Policiais e colaboradores recebem homenagem do Conseg Monte Alegre e presidente faz críticas ao Governo do Estado

Por Allan dos Reis, no Centro de Taboão da Serra

O Conselho Comunitário de Segurança de Taboão da Serra – Monte Alegre entregou na noite desta sexta-feira, dia 9, troféus a autoridades policiais, políticos e representantes da sociedade civil e empresarial em reconhecimento ao trabalho que eles desenvolvem para melhorar a segurança pública no município. O evento aconteceu no Cemur e reuniu centenas de pessoas.

Antes da entrega dos troféus, autoridades enalteceram a importância do conselho, que aproxima a população das forças policiais. “O conseg é um elo de comunicação entre a população e os gestores de segurança pública”, enalteceu o capitão da PM Antônio Carlos de Moraes.

Policiais militares, civis e guardas municipais são homenageados pelo Conseg Monte Alegre.

Policiais militares, civis e guardas municipais são homenageados pelo Conseg Monte Alegre.

O secretário de segurança pública de Taboão, Gerson Britto, destacou que a queda nos ‘índices de homicídios dolosos no município é fruto da “parceria [da GCM] com a Polícia Militar e a Polícia Civil”, diz.

Os presentes também puderam acompanhar uma palestra com o PM Joel Rocha [confirmar] que valorizou a importância da família e lembrou que no Brasil “temos o 2º maior mercado [no mundo] de drogas como crack e cocaína”.

Secretário municipal de Segurança, Gerson Brito, foi um dos homenageados pelo Conseg.

Secretário municipal de Segurança, Gerson Brito, foi um dos homenageados pelo Conseg.

ENTREGA DOS TROFÉUS

Assim que terminou a palestra, a presidente do conseg Cida Borghi fez um discurso emocionado e anunciou que não estará mais à frente do conselho após a entrega. Em seu lugar vai ficar o publicitário Ari Maia, que já estava na atual diretoria.

“Deixo a presidência do Conseg Monte Alegre com a sensação de dever cumprido”, disse Cida. Em seguida ela convidou os homenageados.

Um dos homenageados, o vice-prefeito Laércio Lopes fala a respeito de sua premiação. “[Esse prêmio] é um incentivo. Tenho ido a todas as reuniões do conseg e tentado através da prefeitura ajudar a Cida tratando as reclamações e solicitações dos munícipes de maneira muito carinhosa e acho que isso faz jus para a gente continuar a trabalhar com eles no conseg”, diz.

DESPEDIDA E MUITAS CRÍTICAS

Na presidência do Conseg por mais de cinco anos, Cida Borghi não se cansou de pedir auxílio e cobrar maior participação das autoridades políticas nas reuniões. E o por isso, em seu discurso de despedida não faltaram críticas a política de segurança pública do Governo do Estado e aos vereadores de Taboão. O único que recebeu elogios foi o vereador Cido (DEM) por sua participação assídua.

Cida afirma que “o modelo de gestão administrativa [do Governo do Estado de São Paulo] torna lento o reaparelhamento das policias civil e militar e a legislação favorece os crimes cometidos por menores de idade [adolescentes com idade inferior a 18 anos] estão entre os principais problemas enfrentados”, diz.

Ela também fez questão de alertar que os indicadores de criminalidade do município divulgados pela Secretaria de Segurança Pública não correspondem com a realidade vista nas ruas.

Na despedida da presidência, Cida Borghi não poupou críticas ao Governo do Estado de São Paulo

Na despedida da presidência, Cida Borghi não poupou críticas ao Governo do Estado de São Paulo

“Se mais não foi possível fazer, em parte, se deve ao sistema estatístico de segurança pública que não apresenta números reais. Ou seja, com dados incompatíveis a realidade do nosso município. Não quero ser interpretada como crítica ao Governo Estadual, de maquiar indicadores, não é isso. A irrealidade de dados de indicadores de segurança se deve pelo desinteresse de uma parcela da população que deixa de registrar o boletim de ocorrência policial. Não porque é o seu desejo, mas pela demora no atendimento decorrência de baixo efetivo e muitas vezes por falta de policial”, criticou Cida.

Por fim, a crítica foi direcionado a Câmara Municipal que “observamos com pesar que o legislativo tem se mantido ausente nas atividades do Conseg. Apenas um entre os 13 membros da casa de leis tem se disponibilizado e participa de quase todas as reuniões”, destacou.

Além do Cido, participaram da cerimônia as vereadores Érica Franquini (PDT) e Joice Silva (PTB) que não gostaram das críticas e destacaram que “nunca foram convidadas” pelo Conseg a participar e criticaram a presidente por não ter dado a fala ao vereador Cido, único representante do legislativo que compôs a mesa.

Apesar de não participar da cerimônia porque tinha outros compromissos, o prefeito Fernando Fernandes recebeu elogios. “O nosso prefeito Fernando Fernandes não pode estar hoje [sexta-feira], mas minhas congratulações, que ele vem cumprindo com as ações do seu plano de governo que são fundamentais para ampliar a sensação de segurança na cidade de Taboão da Serra. Notadamente o nosso tão sonhado sistema de monitoramento por câmera e a instalação do 2º DP”, destacou, sem citar que o novo distrito ainda não saiu do papel.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online