Home » Todas as notícias » Políticos eleitos de Taboão da Serra tomam posse em evento no Cemur

Políticos eleitos de Taboão da Serra tomam posse em evento no Cemur

Por Allan dos Reis, no Centro

Tomaram posse no início da noite deste domingo, dia 1º de janeiro de 2017, o prefeito reeleito Fernando Fernandes (PSDB), o vice-prefeito Laércio Lopes (PTB) e os 13 vereadores, que compõe a nova Câmara Municipal. Eles cumprem o mandato de quatro anos. A vereador Joice Silva (PTB) foi eleita presidente da Câmara Municipal.

Políticos de Taboão da Serra tomam posse durante cerimônia neste domingo (1).

Políticos de Taboão da Serra tomam posse durante cerimônia neste domingo (1).

A cerimônia aconteceu no Cemur e foi dividida em duas etapas. Na primeira, apenas a posse formal dos políticos. Na segunda, muito mais tensa, aconteceu a eleição do novo presidente do legislativo e da mesa diretora. Familiares e amigos dos políticos lotaram o local.

“É com imensa alegria que tomo posse para o meu quarto mandato como prefeito. Aliás, é o quinto, porque fui vice-prefeito de 1989 a 1992 [do Armando Andrade] iniciando a minha carreira política ao lado de [ex-vereadores e atuais secretários] Olívio Nóbrega e Arlete Silva. […] E aquele mandato marcou a minha vida e por isso faço questão de lembrar”, disse Fernando Fernandes.

Fernando Fernandes assumi termo de posse e vai cumprir mais quatro anos de mandato.

Fernando Fernandes assumi termo de posse e vai cumprir mais quatro anos de mandato.

Em seu discurso, emocionado ao lado dos dois filhos e da esposa e deputada estadual Analice Fernandes, ele prometeu se empenhar ao máximo para realizar “o melhor governo que puder” dentro do orçamento financeiro. Falou das ações do seu governo na gestão que findou em 2016 e das promessas feitas durante a campanha eleitoral.

Se eu puder pedir mais uma coisa a Deus, “eu peço força, discernimento para que possamos fazer o que Taboão [da Serra] merece. E eu possa retribuir toda confiança que depositaram em mim. Essa é a nossa missão”, encerrou.

A deputada Analice lembrou a campanha eleitoral vencedora e falou a respeito da postura do político. “O Brasil quer equidade, justeza e principalmente, políticos que tenham uma conduta irrepreensível. São sinais de novos tempos e é muito bom que seja assim. Nós políticos temos a obrigação de ouvir o que as vozes das ruas nos dizem e representa-los da melhor maneira possível”, disse.

Antes disto, cada um dos 13 vereadores foi até a tribuna agradecer os votos. Entre os discursos, a vereadora Érica Franquini (PSDB) disse que ainda “acreditava em milagre” com esperança de que poderia ver o seu candidato Carlinhos do Leme (PSDB) eleito presidente. Professor Moreira (PSD) reforçou que se manteria na oposição e André Egydio (PSDB), que chorou, lembrou-se da dificuldade em ser reeleito.

PELA TANGENTE

Depois de empossados todos os políticos, o vereador Eduardo Nóbrega (PSDB), que comandou a sessão por ter sido o vereador mais bem votado, pediu um intervalo de 30 minutos para realizar a eleição.

Neste tempo, Fernandes foi embora por uma porta lateral para não acompanhar a votação, que derrotou o seu candidato. Ele também não conversou com a imprensa e não anunciou nenhum secretário do governo.

O único recado durante o seu discurso aos vereadores foi à importância da parceria durante a gestão passada e avisou. “Mesmo que o grupo seja heterogêneo, os objetivos são”.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online