Home » Região, Todas as notícias » Por ‘isenção’, Chico Brito abandona o PT, enfraquece candidatura de Geraldo Cruz e fortalece Ney Santos

Por ‘isenção’, Chico Brito abandona o PT, enfraquece candidatura de Geraldo Cruz e fortalece Ney Santos

Por Allan dos Reis, no Centro de Embu das Artes

O prefeito de Embu das Artes, Chico Brito, anunciou em entrevista coletiva no final da tarde de quinta-feira (7) a sua desfiliação do Partido dos Trabalhadores (PT) para poder “apoiar” mutuamente os dois principais pré-candidatos Geraldo Cruz (PT) e Ney Santos (PRB), que polarizam a sucessão municipal. A entrega da carta de desfiliação deve acontecer ainda nesta sexta e deve se manter assim até o fim do seu governo.

Em coletiva de imprensa, Chico Brito anuncia desfiliação do Partido dos Trabalhadores.

Em coletiva de imprensa, Chico Brito anuncia desfiliação do Partido dos Trabalhadores.

“Eu convidei vocês [jornalistas] para informá-los de uma decisão política que eu tomei. […] Fiz uma reflexão nos últimos dias e cheguei a seguinte conclusão. O PT tem razão em cobrar que a candidatura do Governo seja a que o PT definiu. Eu não tiro a razão do PT querer exclusividade à candidatura do Geraldo. E o arco de aliança [partidos da base] também cobra, perguntando se vai mandar gente embora se continuar apoiando Ney Santos e eu disse que não”, informou Brito.

Em seguida ele anunciou. “Essa minha decisão de desfiliar do PT é para manter uma isenção de fato e de direito. Vou continuar livre para me relacionar com os dois grupos. E não estando em nenhum partido, me sinto mais a vontade para isso”. Ele garante que não vai alterar – por sua vontade – no secretariado, que está dividido no apoio aos dois candidatos.

Por mais de uma hora, Chico Brito fazia questão de afirmar que não estava neutro e sim apoiando duas candidaturas governistas. “Vou ficar na isenção e isso não significa que estou neutro”, repetia. Nos bastidores, já dão como certo que esse foi o primeiro passo para que – em breve – anuncie apoio à candidatura de Ney Santos. Vale ressaltar que nas eleições a deputado de 2014, Chico e Geraldo se estranharam e o prefeito lançou e apoiou outro candidato a estadual. E por muito pouco Geraldo Cruz não foi reeleito.

GOVERNO DE CONTINUIDADE

Apesar da postura bem crítica do pré-candidato Ney Santos em relação ao PT, Chico Brito não acredita que haja um rompimento no modelo de governo instaurado no município desde o início do primeiro mandato petista Geraldo Cruz, iniciado em 2001.

“Espero que os dois não apresentem um projeto de rompimento do nosso programa desses 15 anos [e quatro meses] de mandato”, pede Chico. Ele também disse ser grato ao PT nesses onde aprendeu e ensinou e que a maior contribuição “é que não deixei se formar um bloco de oposição ao PT” que neste momento “seria muito mais prejudicial ao PT e ao Geraldo”, completou.

Geraldo Cruz não consegue apoio exclusivo do prefeito Geraldo Cruz; Ney Santos é o principal beneficiado com 'isenção' do ex-petista beneficia Ney Santos. (Fotos: Reprodução Facebook)

Geraldo Cruz não consegue apoio exclusivo do prefeito Geraldo Cruz; Ney Santos é o principal beneficiado com ‘isenção’ do ex-petista. (Fotos: Reprodução Facebook)

CONTRA O IMPEACHMENT

Chico Brito faz o mesmo movimento que outros prefeitos do Brasil têm feito. Deixa o Partido dos Trabalhadores em um momento político e econômico conturbado e nas vésperas da votação de um pedido de impeachment contra a presidenta Dilma Rousseff. Apesar disto, e da garantia que não vai se filiar a nenhum partido em 2016, o prefeito garante que continua defendendo o PT.

“Sou um dos poucos prefeitos do Brasil que colocou o [ex-presidente] Lula no facebook e numa inauguração do Minha Casa Minha Vida defendeu a Dilma. Vou continuar defendendo e contra o impeachment”, disse o prefeito.

Com Dilma e Lula ao fundo, Chico Brito diz que vai continuar lutando contra o impeachment da presidenta.

Com Dilma e Lula ao fundo, Chico Brito diz que vai continuar lutando contra o impeachment da presidenta.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online