Home » Política, Todas as notícias » Prefeito Fernando se reúne com a SPDM e vereadores e defende a gestora da saúde de Taboão da Serra

Prefeito Fernando se reúne com a SPDM e vereadores e defende a gestora da saúde de Taboão da Serra

Por Allan dos Reis, no Parque Assunção

O prefeito Fernando Fernandes reuniu em seu gabinete na hora do almoço desta segunda-feira, dia 14, os vereadores que compõe a sua base aliada para uma reunião com os diretores da SPDM, organização social liga a Escola Paulista de Medicina que é responsável pela gestão dos prontos socorros do município. O encontro serviu para esclarecer as denúncias veiculadas recentemente pelo jornal Hoje em Notícias e que foi republicada no final de semana pelo tablóide Reaja Taboão.

Ao lado de vereadores aliados, Fernandes rebate acusações contra a SPDM e garante que não há problemas no contrato com a prefeitura.

Ao lado de vereadores aliados, Fernandes rebate acusações contra a SPDM e garante que não há problemas no contrato com a prefeitura.

Na edição nº 215, o veículo afirma que a “SPDM [está] envolvida em denúncias de crimes contra a economia” e apontou uma série de possíveis irregularidades cometidas pela OS na administração de outras unidades de saúde e diz que o Hospital Geral do Pirajussara (HGP), do Governo do Estado localizado na divisa entre Embu e Taboão, pode ter um rombo de R$ 14 milhões em suas contas.

Ao lado de vários secretários municipais e dos diretores da SPDM, Fernandes não poupou críticas ao editor do jornal, Mário de Freitas, que foi secretário de comunicação na gestão do ex-prefeito Evilásio Farias.

“A pessoa responsável pela matéria é o jornalista Mário de Freitas que viveu aqui na prefeitura e nunca fez uma denúncia e nunca falou mal. E agora nós trazemos uma entidade ligada a Escola Paulista de Medicina, que é uma das instituições de ponta do Brasil e que é reconhecida mundialmente, ele vem querer fazer críticas infundadas pegando notícias de outros jornais e dando a interpretação que lhe convém para fazer as acusações”, atacou Fernandes.

Ele completa que “em Taboão da Serra o próprio texto [do jornal] diz que não tem nada [de irregular]. Eles pegam coisas supostamente ocorridas em outros municípios e querem trazer essas notícias para Taboão”, rebateu.

Nacime da SPDM esclareceu as dúvidas dos vereadores e depois respondeu aos questionamentos da imprensa.

Nacime da SPDM esclareceu as dúvidas dos vereadores e depois respondeu aos questionamentos da imprensa.

Em seguida, o superintendente dos hospitais da SPDM, Nacime Salomão Mansur, reforçou as críticas ao jornalista dizendo que “são calunias e dados desatualizados” e que a SPDM atua de forma regular em todos os locais e não há nenhuma punição dos órgãos de fiscalização. Ele também negou que haja déficit de R$ 14 milhões nas contas do HGP.

“Estou com o balanço de 2013 do Pirajussara já com parecer de auditoria externa aprovado mostrando que a demonstração contábil corresponde fielmente ao que foi auditado e o Pirajussara tem mais de R$ 6 milhões em caixa”, garante Nacime.

Os vereadores governistas garantem que a reunião com o prefeito e os diretores da organização social foi esclarecedora e que não há qualquer dúvida em relação à lisura do contrato firmado.

A SPDM firmou contrato após licitação [modelo concurso de projetos] com a administração municipal no valor de R$ 323 milhões para gerir por cinco anos os Pronto Socorro Infantil, Pronto Socorro e Maternidade da Antena e a Unidade de Pronto Atendimento Akira Tada. O valor é correspondente a custeio e investimento.

OUTRO LADO

Procurado pela reportagem, o jornalista Mário de Freitas informou que “ainda não” encontrou qualquer irregularidade no contrato entre a prefeitura de Taboão da Serra e a SPDM. Questionado se o déficit de quase R$ 14 milhões consta nos anos seguintes (2011 e 2012), Freitas afirma que “é possível [que] sim. Pelo simples fato da SPDM não informar os balanços dos anos seguintes. Estou pedindo esses números há mais de quinze dias. Eles simplesmente se calam. Por quê?”, questiona.

Capa da edição do jornal "Hoje em notícias", que aponta possíveis irregularidades na SPDM. (Foto: Reprodução)

Capa da edição do jornal “Hoje em notícias”, que aponta possíveis irregularidades na SPDM. (Foto: Reprodução)

One Response

  1. Pela pressa nas justificativas e nas ameaças cogitadas, Jornal “Hoje em Notícias”, acertou no alvo!.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online