Home » Sociedade, Todas as notícias » Prefeitura de Taboão afirma que falta de limpeza dos piscinões de Embu e SP aumentou tragédia após chuva

Prefeitura de Taboão afirma que falta de limpeza dos piscinões de Embu e SP aumentou tragédia após chuva

Por Allan dos Reis, direto da Redação

A Prefeitura de Taboão da Serra divulgou na tarde desta quinta-feira, dia 23, nota oficial a respeito das enchentes que deixaram um rastro de destruição em diversos bairros do município e afirma que a “falta de manutenção nos piscinões das cidades de São Paulo e Embu das Artes” contribuíram para destruição nos bairros do Jardim Leme e Clementino.

Enchente em Taboão da Serra deixa um rastro de destruição. (Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil)

Enchente em Taboão da Serra deixa um rastro de destruição. (Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil)

Pela manhã, o prefeito Fernando Fernandes e os seus secretários acompanharam o trabalho da defesa civil nesses bairros. Ele garantiu que vai isentar do pagamento do IPTU de 2014 os imóveis atingidos pelas águas e pede que a população faça doações de roupas, móveis e eletrodomésticos através do número (11) 4788-4100.

Em seu site, a Prefeitura de Embu faz questão de ressaltar que a limpeza dos piscinões é de responsabilidade do Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE) do Governo do Estado. Aliás, no início do ano alguns veículos de comunicação já haviam alertado para o problema de limpeza e um contrato de emergência foi assinado no dia 6 deste mês.

CONFIRA A NOTA

A Prefeitura de Taboão da Serra lamenta pelas últimas enchentes ocorridas no município, em decorrência das fortes chuvas e está dando todo o apoio possível às famílias atingidas na região do Pirajuçara.

Todas as secretarias municipais estão envolvidas no processo de recuperação das casas e no auxílio, com a distribuição de colchões, cestas básicas, material de limpeza e medicamentos. Uma grande equipe de funcionários está no local, fazendo a limpeza das casas e das ruas.

De acordo com o prefeito Fernando Fernandes, que visitou diversas casas nesta manhã, os moradores prejudicados terão remissão do IPTU. Para isso devem procurar o Departamento de Cadastro, na Prefeitura.

O prefeito pede ainda o apoio da população taboanense e de toda a região para a doação de roupas, móveis e eletrodomésticos usados para os atingidos pelas chuvas. Os doadores devem entrar em contato através do telefone (11) 4788-4100, que a retirada será feita no local.

Ainda não há dados oficiais da quantidade de pessoas e casas prejudicadas. A prefeitura afirma que está tomando providências para que a situação não se repita, inclusive junto ao Governo do Estado de São Paulo e às demais prefeituras envolvidas.

A situação foi agravada pelo excesso de volume de água, que ultrapassou a capacidade de escoamento. Choveu 104 mm, de acordo com o pluviômetro, em apenas 40 minutos.

O que contribuiu ainda foi a falta de manutenção nos piscinões das cidades de São Paulo e Embu das Artes, fazendo com que a água escoasse para Taboão da Serra, atingindo a região do Pirajuçara, principalmente os bairros Jardim Leme e Jardim Clementino.

A Secretaria de Saúde frisa que quem apresentar sintomas de febre e dores musculares e nas articulações, deve procurar a Unidade de Saúde mais próxima. Aqueles que perderam remédios podem ir até a sede da Secretaria, onde receberão novos medicamentos. Basta levar a cartela com o nome ou a receita, se ainda possuir.

3 Responses

  1. Heli disse:

    Parabenizo primeiramente o Prefeito Fernando Fernandes, que tem muita seriedade.
    E tenho certeza que vai cumprir com oque a nota diz. Sou morador de São Paulo. Jd maria Sampaio e precisamos que algo seja feito em parceria as prefeituras responsáveis e Governo do Estado. Precisamos agora do governador, da deputada esposa do Prefeito Fernando Fernandes ajudando o povo que mora nessas regiões seja Embu,Taboão da Serra, jd maria sampaio e Campo limpo-sp.

  2. diana disse:

    quem mandou voltar nesse prefeito, dias melhores vieram, o povo esquece as coisas, e logo voltará no sucessor…

  3. J M disse:

    A culpa também é da prefeitura de Taboão da Serra que nada fez de prevenção contra enchentes, não limpa boca de lobo, não limpa margem de córrego, não aprofunda calha de córrego, não evita as invasões nas margens dos córregos e agora culpam SP e Embu? Vergonha total.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online