Home » Sociedade, Todas as notícias » Revendedora de veículos é acusada de aplicar golpes em Taboão; dono se defende

Revendedora de veículos é acusada de aplicar golpes em Taboão; dono se defende

Da Redação

Uma movimentada loja de revenda de veículos no centro de Taboão da Serra é acusada de aplicar golpes em consumidores que deixam os seus automóveis para venda em consignação na Via BR. Pelos menos foi desta maneira que uma matéria exibida da Rede Record mostrou na manhã desta segunda-feira, dia 4.

Com uma câmera escondida, um produtor da TV foi até a loja e conversou com um vendedor e um dos donos da loja. Em seguida, a reportagem conversou com Luiz Sérgio Souza, que deixou um veículo para revenda e mesmo com o pagamento pelo comprador, ainda não recebeu o valor combinado. “Tinha o dinheiro e disse que não tinha caixa para pagar. Aonde foi parar o dinheiro?”, questionou.

Via BR_reprodução

Veículos expostos no site da empresa ViaBR. (Foto: Reprodução)

Já o aposentado Fernando do Sacramento Oliveira afirma que aguarda a regularização do documento do veículo comprado na loja em janeiro. “Eles me venderam uma coisa que não era deles, não pagaram o proprietário e o carro não é meu. Está eu no golpe e o ex-proprietário também”, diz.

Para um criminalista ouvido pela reportagem “não há dúvidas que o dolo já existe antes. No momento em que ele recebe o carro, ele já tem a intenção de não devolver o dinheiro ao proprietário no momento em que ele é vendido”, diz Fernando José da Costa, professor de direito penal.

Já o advogado de defesa do consumidor Alexandre Berthe deu dicas do que deve constar no contrato firmado entre o vendedor e a loja. “A forma mais correta de diminuir as chances de qualquer risco seria entregar o veículo, ter um contrato bem elaborado que o veículo está sendo entregue em consignação, constando o cpf ou o cnpj da empresa, as condições de pagamentos e repasses de valores. Com isso a pessoa vai ter uma garantia melhor de um eventual prejuízo futuro”, diz.

OUTRO LADO

Um dos proprietários da revendedora de automóveis Via BR, Rodrigo Damy Correia, atendeu a ligação do site Taboão em Foco e se defendeu das acusações citadas na matéria da TV Record. Ele admite que a empresa passa por dificuldades financeiras, mas garante que honra os seus compromissos, mesmo com certo atraso.

“Temos 14 mil carros vendidos e não é por causa de uns [que não receberam no dia combinado] que somos golpistas. Mesmo diante de todas as dificuldades nós estamos trabalhando”, afirma Correia, que culpa a crise econômica do país para justificar as dificuldades financeiras.

Ele também reclamou da exposição feita em rede nacional. “Eles têm que ter responsabilidade porque expôs a minha marca e a minha imagem. Eles [Rede Record] fizeram uma matéria sensacionalista”, protestou. Correia afirma que vai entrar com um pedido de indenização na Justiça contra os clientes que apareceram na matéria.

9 Responses

  1. sou farailde disse:

    tenho um processo judicial contra esta empresa comprei um carro nesta empresa e este carro era financiado o proprietário sr, rodrigo realmente faz isso pega carro financiado e vende a VISTA DIZENDO QUE ENTREGARA A QUITACAO DO CARRO MAS NAO O FAZ FICA ENRROLANDO JA FAZ MAIS DE 6 MESES QUE ESTROU COM UM PROCESSO DE REPARAÇAO GANHEI JA ACAO DE DANOS MORAIS TIVEMOS AUDIENCIA MAS AINDA NAO RESOLVEU PAREM DE SER ENROLADOS NAO CONFIE

    CUIDADO CUIDADO CUIDADO

  2. Jaciellma disse:

    Solicito para as pessoas que estão sendo lesadas (roubadas) pela agencia Via BR entrar em com contato com o Programa da Tarde -rede Record urgente, se possível enviar um email para Patrulha do consumidor. Boa Sorte a todos!

  3. Mister M disse:

    Pelo que sei dono é Policial Civil.

  4. JOAO DE SOUZA disse:

    ESTA EMPRESA FOI A MESMA QUE DEU GOLPE EM FLORIANÓPOLIS SC

  5. Maria das Dores disse:

    Revendedora via br continua dando golpes eu fui uma das vitimas,eles venderam o carro a vista e n me pagaram.

    ALERTA:Fiquem de olho se vc for vender ou comprar seu veiculo

  6. Luiz Carlos disse:

    eu tmbm estou sendo vitima por esses golpistas da via Br Veiculos, anunciei o meu carro na OLX , esses golpistas viram e pediram para mim deixar o meu carro lá, 10 dias que o meu carro ficou lá, foi vendido, e esse bando de ladrão me deram um cheque sem fundo, agora o meu caso tmbm tá na justiça.
    Estava vendendo o meu carro para pegar outro carro melhor, agora acabei ficando a pé por causa desses golpistas.
    O meu carro tinha sido comprado em uma agência na av. Francisco Morato SGS MOTORS, o carro estava em consignação eu comprei o carro, a SGS se me entregou o carro depois que o documento já estava transferido para o meu nome, e o ex dono do carro tmbm recebeu o dinheiro dele sem enrolação nenhuma, e isso é uma agência pequena que só cabe uns 30 carros no pátio, essa é uma agência boa de comprar carros e não dar golpes em ninguem, como essa tal de Via BR Veiculos

  7. Aline disse:

    Esta loja esta sendo responsável pelo meu pior pesadelo. Comprei um carro e quando fiz o test drive verificamos um problema na suspensão, ficaram uma semana com o carro para me entregar consertado e revisado. Peguei o carro com o mesmo problema, deixei de novo, e uma terceira vez, a cada vez que me entregavam, o seguro rejeitava pelo mesmo problema que ficaram de solucionar. Resumindo, depois da terceira vez, 28 dias de compra, que só fiquei 6 com o carro, voltei na loja para devolver o veículo, código defesa do consumidor, bens duráveis, temos até 30 dias para desfazer o negócio, dentro do prazo, e muito aborrecida, tentei devolver, se recusaram e receber o veículo e me devolver a entrada do carro, quase 60% do valor dele. Tive que entrar com processo na justiça para devolver e já estou agora em novembro pagando a 6ª parcela do carro sem poder usar, pois não tem seguro, levei na concessionária chevrolet para fazer um laudo do carro, tenho que gastar 8mil para consertar e passar na vistoria do seguro, isso pq eles disseram por 3 vezes terem consertado a suspensão do carro, sendo este o problema verificado desde o test drive. E ainda me disseram que como a roda esta com folga e corro risco de vida, junto com a minha família, pois ela pode se soltar. Como posso usar um carro assim? Eles venderam meu carro 5 dias depois que deixei na loja, fiquei sem carro e sem dinheiro aguardando agora a morosidade da justiça. Como uso o carro para trabalhar, tive que alugar um carro, gerando mais despesas e com o maldito carro na garagem. Mas depois de tanto tempo, não tenho mais como arcar com pagar parcela do carro mais aluguel de um outro. Me sinto roubada, estou exausta com tudo isso. Cadê a justiça? Deveriam estar presos, isso é engodo puro, estão ali para enganar, para ludibriar, nos roubar.

  8. carlos disse:

    E o dono é policial, não é? Como pode isto.

  9. Roberto disse:

    EEEE VIA BR…
    se a VIA BR que é grande faz isso, imagina as pequeninas.
    um querendo se dar bem a custa de outros, esse Brasil não tem jeito mesmo.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online