Home » Política, Todas as notícias » Secretário de Cultura de Taboão fica no cargo só até o fim deste mês

Secretário de Cultura de Taboão fica no cargo só até o fim deste mês

Por Allan dos Reis, da Redação

O secretário de Cultura de Taboão da Serra, Ali Sati, vai deixar o cargo no final deste ano e voltar a cuidar dos seus negócios [casa de câmbio]. Ele já avisou o prefeito Fernando Fernandes, que tenta lhe convencer a ficar. Juntos eles buscam um substituto. O poeta Sergio Vaz foi convidado, mas não aceitou.

Emocionado, Ali Sati comemora nova lei e agora luta por 1% do orçamento na cultura.

Emocionado, Ali Sati comemora nova lei e agora luta por 1% do orçamento na cultura.

“Estou deixando o cargo, sim. Preciso cuidar da minha empresa [casa de câmbio] que eu tive que me afastar muito por causa da política”, diz Sati. Porém, ele garante que sai realizado por estar completando o ciclo na área cultural do município com o Sistema Municipal de Cultura e o Fundo Municipal de Cultura.

Ao Taboão em Foco o prefeito diz que houve o pedido de demissão, mas ainda vai tentar convencer o secretário a ficar no cargo. “O Ali [Sati] conversou comigo. A vida e os negócios são muito conturbados, mas ele ainda não está deixando o governo. Nós estamos no processo de convencimento. Gosto muito dele e tem um trabalho que precisa ser considerado. Quando a pessoa é inexperiente, ela fica ansiosa para querer realizar muito mais ao mesmo tempo”, diz.

Ambos tem discutido muito a respeito do substituto. Alguns nomes da secretaria foram ventilados, mas o nome mais desejado é do poeta Sérgio Vaz, fundador da Cooperifa.  “O Sérgio Vaz seria uma pessoa maravilhosa para ser secretário. Mas ele tem impedimentos de cunho pessoal. Ele vive viajando [para compromissos profissionais]. Mas ele vai ser com certeza um grande colaborador. Eu tive uma reunião com o Sérgio e nós combinamos dele nos ajudar e ajudar o Ali a implementar alguns programas da área da cultura”, completa.

Alguns desses projetos seriam os saraus, cinema na laje e outros programas com o objetivo de ensino médio para dentro da cultura.

10 Responses

  1. ricardo oliveira disse:

    O Ali é bom coração, fez muito pela cultura de rua…

  2. Eduardo Tadeu disse:

    Quero gente nova o Ali foi uma grande perda.
    O problema é se colocarem gente que esta rondando essa posição a tempos.

  3. jonas disse:

    Belo trabalho do Ali Sati, deveria ficar mais tempo, mas entendo seu lado, sem apoio e sem infra estrutura não dá. O prefeito deveria ser mais aberto a cultura de Taboão
    .

  4. André disse:

    Qua saia o Ali como deseje, mas que coloquem uma pessoa nova em seu lugar não precisamos de pessoas que estão a tanto tempo na prefeitura como o tais Zé precisamos de pessoal inovador estamos na era digital não precisamos de analógicos.
    tem sim que dar continuidade ao trabalho que foi feito de inicio com vitórias políticas como ouvir a classe dos artistas e o Fundo Municipal de Cultura, queremos gente nova, parabéns Ali Sati pelo ponta pé inicial vc foi um guerreiro por ter feito tudo isso sem o mínimo de estrutura Parabéns.

  5. Julia Corim disse:

    Cade os “artistas” que fizeram a campanha do Fernando??????. que moral tem agora?????..kkkkkkkkkkkkk..todos muchos…….eu sabia.

  6. Mariana Guedes disse:

    Adr concordo com você e acho uma pena o Wanderley está no PT. Votei nele e acho que ele iria contribuir muito na Câmara. Mas acho que você está enganado, a meu ver ele tem gabarito de sobra pra ser secretário de cultura. Vc já viu aquele menino falar? Ele é novinho e já é pós graduado. E ainda vi no face dele que ele está trabalhando em uma outra cidade como coordenador de políticas da juventude. Acho que essa vivência somada com a vontade de melhorar a cidade e o jeito que ele tem de ouvir as pessoas faria dele um ótimo secretário de cultura.

  7. Adr7775 disse:

    O que a Sra. Mariana sugeriu é no mínimo desvairado. Primeiro que o Wanderley é da oposição (PT) e segundo que ele não tem gabarito para ser Secretário de Cultura, só por ajudar a promover a parada LGBT. Não existe nem comparação com o Sérgio Vaz. Um pena ele não ter aceitado o convite. Enquanto isso, Taboão da Serra vive com a cultura do “Pão e do Circo”. A cultura de nossa cidade sobrevive com as migalhas de um orçamento muito mal elaborado. Essa é a verdade.

  8. MARCOS VIEIRA disse:

    O nome está na secretaria de cultura… faz cultura a anos na cidade…o prefeito que não enxerga.

  9. Mariana Guedes disse:

    Acho que o Prefeito Fernando devia deixar as brigas de partido de lado e convidar o Wanderley Bressan que organizava a Parada. Pelo sucesso do evento dele acho que seria um ótimo secretário de cultura.

  10. O trabalho inicial do Ali é interessante, demonstrou ouvir a classe dos artistas e o Fundo Municipal de Cultura pode ser realidade. Parabéns pela dedicação!!!

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online