Home » Política, Todas as notícias » Secretário de Segurança da capital apresenta o “City Câmeras” em audiência na Câmara de Taboão

Secretário de Segurança da capital apresenta o “City Câmeras” em audiência na Câmara de Taboão

Por Allan dos Reis, no Jardim Helena

A Comissão Permanente de Segurança da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou audiência pública nesta terça-feira (17) o secretário de segurança urbana da capital paulista, Coronel José Roberto, para apresentar o programa “City Câmeras”, que estimula cidadãos e empresas a integrarem a sua câmera ao sistema de monitoramento da polícia.

Secretário de Segurança Urbana da cidade de São Paulo, Coronel José Roberto explica como funciona o City Câmeras e promete vigiar as divisas de município em parceria com Taboão da Serra.

Secretário de Segurança Urbana da cidade de São Paulo, Coronel José Roberto explica como funciona o City Câmeras e promete vigiar as divisas de município em parceria com Taboão da Serra.

“É uma plataforma colaborativa. O conceito é imagem em nuvem com sete dias de gravação. É mais gente trabalhando na prevenção criminal. E o primeiro passo para as pessoas participarem do processo de segurança. A meta são 10 mil câmeras até o fim do ano na cidade de São Paulo”, diz Roberto.

O programa funciona da seguinte maneira. As imagens das câmeras que ficam na parte externa de residências e empresas são integradas ao sistema de segurança. Com isso, as autoridades policiais, com senhas podem acessar as imagens sem sair do distrito policial caso necessite para esclarecimento de algum tipo de crimes.

A presidente da comissão, vereadora Érica Franquini (PSDB), gostou da proposta e vai tentar convencer o prefeito Fernando Fernandes a implantar em Taboão da Serra para aumentar a dezenas de bairros o sistema de monitoramento.

Presidente da comissão, vereadora Érica Franquini enaltece o projeto City Câmeras e promete pela implantação em Taboão da Serra.

Presidente da comissão, vereadora Érica Franquini enaltece o projeto City Câmeras e promete pela implantação em Taboão da Serra.

“Foi de extrema importância conhecer o trabalho do ‘City Câmeras’ em São Paulo. Aprovamos três requerimentos e um deles é pedindo ao prefeito Fernando Fernandes pedindo que a gente tenha implemente esse projeto em nossa cidade, que é de extrema importância. […] Em alguns bairros os moradores já instalaram câmeras nas ruas e colaboram”, diz Érica.

Além dos membros da comissão, houve a participação da vereadora Rita de Cássia (PSDB), do vice-prefeito Laércio Lopes, de moradores de diversos bairros, como Monte Alegre, Jardim Três Marias, Jardim Record entre outros locais, autoridades policiais dos 1º e 2º Distrito Policiais, presidentes dos Consegs, o comando da GCM e da Polícia Militar, entre outras autoridades.

VIGILÂNCIA NAS DIVISAS

Um dos pontos mais importantes da reunião foi à proposta do secretário da capital paulista de implantar rapidamente o “City Câmeras” nos bairros que fazem divisa com Taboão da Serra, como o Jardim Monte Alegre.

“Eu já tenho as câmeras, tenho algumas nuvens e preciso da internet. Se houver participação da Prefeitura [de Taboão da Serra] disponibilizando a Internet ou a população, a gente consegue. É coisa bem rápida. É uma área de divisa que pode ser usada por infratores da lei na saída de uma cidade para outra e a gente de algum modo passa a ter essa possibilidade de monitoramento pela guarda civil de Taboão e de São Paulo”, diz Roberto.

BASE PARA O MONTE ALEGRE

A Comissão aprovou um requerimento solicitando ao prefeito Fernando Fernandes à instalação de uma base no bairro do Jardim Monte Alegre, já que a insegurança no local tem sido constante e por fazer divisa com a capital paulista. A medida, diga-se, vai de encontro ao que pensa as autoridades policiais, que são contrários a bases fixas porque tem menor efetividade.

O líder do governo e vice-presidente da comissão, vereador Eduardo Nóbrega (PSDB), reforçou a excepcionalidade da medida e pediu a aprovação dos outros membros.

Autoridades policiais, políticos e outras lideranças participam de audiência pública para discutir segurança.

Autoridades policiais, políticos e outras lideranças participam de audiência pública para discutir segurança.

“Aquela região exige uma medida excepcional. Por isso, que seja aprovado o requerimento solicitando ao comandante da GCM Sandro Léo e ao prefeito Fernando Fernandes a implementação – em caráter de urgência – de uma base no Jardim Monte Alegre”, pediu Nóbrega.

O vereador Cido (DEM) também reforçou o pedido. “Já um tempo que participo das reuniões do Conseg Monte Alegre e vejo que vários pedidos já foram feitos na região para tentar controlar essa onde de crimes e assaltos e percebo que infelizmente não conseguimos resolver a questão. Que seja o mais rápido possível construir uma base”, disse.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online