Home » Política, Todas as notícias » Sueli Amoedo pede Casa Abrigo na região para que mulheres rompam o ciclo de violência

Sueli Amoedo pede Casa Abrigo na região para que mulheres rompam o ciclo de violência

Da redação

O Taboão em Foco recebeu nesta semana a coordenadora dos direitos da mulher de Taboão da Serra, Sueli Amoedo, para uma conversa com o repórter Allan dos Reis, com gravação de Wladimir Raeder. A pauta foi à violência contra a mulher e as ferramentas para combater esse tipo de crime. Em agosto de 2017, a Lei Maria da Penha completou 11 anos de existência.

Sueli acredita que uma das armas para combater a violência é “sempre falar e desconstruir a rotulagem de que mulher é para ser agredida e que é mero objeto”. E apesar de casos diários de violência contra a mulher, os dados apontam para redução deste tipo de crime.

“Houve estatisticamente uma redução do número de feminicídio em 10% depois da implantação da Lei Maria da Penha. Hoje as pessoas falam mais e denunciam mais. Elas não se calam perante a violência”, aponta Sueli.

Ao longo da conversa, que você pode conferir em vídeo, a coordenadora reforçou a necessidade de a região ter uma casa abrigo para que mulheres vítimas da violência tenham condições de romper o ciclo da violência e sejam protegidas por serviços públicos.

Entrevistada Sueli Amoedo

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online