Home » Política, Todas as notícias » TRE cassa o mandato do vereador Onishi por infidelidade partidária

TRE cassa o mandato do vereador Onishi por infidelidade partidária

Por Allan dos Reis, direto da Redação

TRE decide que o vereador Ronaldo Onishi deve perder o mandato por infidelidade partidária.

O Tribunal Regional Eleitoral acaba de cassar o atual mandato do vereador Ronaldo Onishi (PSB) por infidelidade partidária, informa o Blog Bar e Lanches Taboão. Em julho de 2011, o político assumiu o cargo no lugar do vereador Natal (PP), afastado pela Justiça, e no mês de outubro trocou o PPS pelo PSB para disputar as eleições municipais deste ano. Ainda não há previsão de quando o político vai deixar o cargo na Câmara Municipal, mas casos semelhantes têm demorado cerca de 30 dias.

A reportagem do Taboão em Foco conversou rapidamente por telefone com o vereador que afirma estar “tranqüilo” e que estava ciente de que isso poderia acontecer. “Estou tranqüilo. Sabia que poderia acontecer [a perda do mandato]”, diz.

Ele explica que vários fatores o levaram a mudar de sigla. “São vários fatores, mas o principal é a ingerência do PSDB em cima do PPS, que é presidido pelo filho do Fernando Fernandes [eleito prefeito]”, afirma.

O vereador ainda não havia conversado com o seu advogado de defesa e por isso não deu mais detalhes sobre o que será feito.

REASSUME DE NOVO EM 2013

Apesar do pedido de cassação, Onishi assume normalmente o cargo em Janeiro de 2013 junto com os outros 12 vereadores eleitos no último dia 7 de Outubro de 2012. O vereador foi reeleito com 2.049 votos.

QUEM É O SUPLENTE?

Ainda não está claro que será o suplente a assumir o cargo caso a Justiça consiga que o vereador deixe o mandato antes do fim de2012. Aprimeira da lista seria Mara do Binho, mas ela deixou o seu antigo partido. Em seguida seria Caboré que também mudou de partido. A terceira da lista é a Pastora Leda Pagliarin, mas o TF não conseguiu confirmar se ela continua filiada ao PPS.

3 Responses

  1. Luzia disse:

    Um bando de eterno candidatos, de olho na sua cadeira, meu amigo o que é ficar 60 dias se voce ficara mais 4 anos, que morram esse bando de incapacitado e incompetente, bando de otario que vivem na politica como vermes, alias sao vermes da politica estao sempre a sombra esperando por restos, esse RAI é um o Bochete é outro, ai temos mais uns dez mil na fila, vão trabalhar bando de vagabundo mas não vale tomar casa dos outros RAI, é trabalhar comprar e pagar não o contrario.

  2. Quando da discussão da possibilidade de o Vereador Aprigio perde o mandato por trocar de partido, o Taboão em Foco chegou a citar o nome do Roberto Silva como seu substituto.

  3. Raí disse:

    A vaga é do Roberto Silva ( PP )

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online