Home » Sociedade, Todas as notícias » Um dos pontos mais alto de Taboão sofre com alagamentos; mesmo com bueiros, água não escoa

Um dos pontos mais alto de Taboão sofre com alagamentos; mesmo com bueiros, água não escoa

Por Allan dos Reis, no Jardim Monte Alegre

Um dos pontos mais altos de Taboão da Serra, na Avenida José André de Moraes, próximo ao número 1200, agora virou palco constantes alagamentos. Nos últimos dias, especialmente pedestres, quase não conseguem circular pelo local porque – mesmo sem chuva – a água não escoa.

Além de serem obrigados a circularem apenas por um lado da calçada, quem caminha pelo local precisa correr para escapar de ser molhado quando passam carros e ônibus. A enchente fica a 100 metros de uma escola particular com centenas de crianças.

Mesmo sem chuva, avenida em ponto alto de Taboão da Serra fica alagada por horas após a chuva.

Mesmo sem chuva, avenida em ponto alto de Taboão da Serra fica alagada por horas após a chuva.

Bem no ponto do alagamento existem bueiros dos dois lados da avenida. E a falta de escoamento pode ser culpa de um empreendimento imobiliário que está sendo construído no local.

Em 2011, o Taboão em Foco já havia falado a respeito do alagamento deste mesmo ponto. Na ocasião, a Secretaria de Manutenção afirmou via assessoria de imprensa “que não se tratava de sujeira no bueiro, mas sim, obstrução da galeria por uma movimentação de terra no terreno em frente que está em obras”.

Mesmo sem chuva por horas, avenida no Jardim Monte Alegre continua alagada.

Mesmo sem chuva por horas, avenida no Jardim Monte Alegre continua alagada.

Deixe um comentario

Current ye@r *

© 2013 TABOÃO EM FOCO · RSS · Site por Keone Midia Online