loader-image
temperature icon 20°C

Associação Paradesportiva realiza vakinha para ajudar atletas irem ao Campeonato Brasileiro de Bocha Paralímpica 

Compartilhar notícia

Por Samara Matos, na redação

A  Associação Paradesportiva Todos, trabalha com Bocha Paralímpica, Atletismo(Petra) e Natação.  Cinco atletas do time foram classificados para o Campeonato Brasileiro de Bocha Paralímpica 2023. Neste momento a associação não tem recursos suficientes para levar os atletas a competição, sendo assim, resolveram fazer uma Vakinha online que tem como meta atingir o valor de R$11.000,00. [CLIQUE AQUI E AJUDE]

Dos 5 tem a veterana e multi medalhista Evani Calado e Gian Carlo outro veterano nos brasileiros. Além dos estreantes, Alisson com sua cadeira Tania Leite no BC3,  Adilson Sousa no BC4 e Luiz Tetzuo que além de ser um craque na Freme Running (atletismo) e na bocha também.

 “Somos uma associação que ainda não temos recursos governamentais de apoio ao esporte, mas estamos correndo atrás”, diz a associação 


O porquê do valor? 

A BOCHA é uma modalidade esportiva para pessoas com deficiência motoras severas, onde essas pessoas não se encaixam e a BOCHA dá um novo sentido de vida para elas. Cada atleta da modalidade precisa ter o suporte 24 horas por dia de um acompanhante (no caso família ou cuidadores), por isso a vakinha tem esse valor, cada atleta necessita de um acompanhante.

Precisamos da sua colaboração. Os atletas não têm condições de custear as passagens até Fortaleza/CE. Então precisam de doações para levá-los e terem a oportunidade de ganhar bolsa atleta e se manterem no esporte. 

APTS – Associação Paradesportiva Todos

PIX: CNPJ: 08.935.779/0001-49

Veja também