Baile Funk e Consumo de Drogas são alvos de reclamações de moradores de Taboão

Comunidade discute segurança pública em Taboão da Serra
Comunidade discute segurança pública em Taboão da Serra

O Conselho Comunitário de Segurança Pública de Taboão da Serra do Jardim Pirajuçara se reuniu nesta segunda-feira, dia 25, na sede do Sindicato dos Metalúrgicos para discutir temas relacionados a segurança pública no município. Baile funk, consumo de drogas, roubos e o aumento do efetivo da guarda municipal foram os principais temas. 

Uma das maiores preocupações da polícia militar tem um terreno numa das travessas da Estrada Kizaemon Takeuti aonde viciados em drogas, especialmente crack, consomem drogas todas as noites.

“Aquele local tem sido o meu ‘calcanhar de aquiles’ porque muitos dos furtos da região são em decorrência daquele pessoal. Mas o problema também é social. Eu [PM] não posso prender os viciados que não fez nada [nenhum crime]”, explicou o Capitão da PM, Jayro.

Durante a reunião, o morador do bairro Freitas Júnior reclamou que o local virou ponto de encontro de jovens que se reúnem para consumir bebidas alcoólicas e dançar funk.

“Todo final de semana os jovens colocam essas músicas com palavras obscenas. Já liguei para a GCM três vezes e não fui atendido. Tem até reclamação na ouvidoria [do município]”, relata o morador.

A PM e a GCM prometem intensificar o trabalho na região para inibir os bailes. Eles também pedem para que os moradores liguem à PM e a GCM se os bailes voltarem a acontecer e que se possível registrem boletins de ocorrências.

xxx
Autoridades policiais, OAB e Conseg durante reunião sobre segurança pública

Além de prometer resolver os problemas que impediram a GCM de atender as ocorrências relatadas pelo  morador, o Inspetor Fagundes informou que até o fim do ano deve ser encerrado todo o processo de contratação de novos guardas deve ser encerrado. Nos próximos dias também devem ser entregues mais cinco viaturas.

CONSEG MONTE ALEGRE

Nesta quinta-feira, dia 28, será a vez dos moradores da região do Jardim Monte Alegre se reunirem na Escola Estadual Professor Alípio de Oliveira e Silva, na rua Miquelina Túlio Christillo, 105, a partir das 19h30, para discutirem segurança.

Por Allan dos Reis

0 comentário em “Baile Funk e Consumo de Drogas são alvos de reclamações de moradores de Taboão”

  1. Ah !legal esse assunto.
    Gostaria de saber pq o “Centro Cultural Pirajussara”que de cultural nao tem nada ali na Kizaemon,aos fins de semana promove baile funk.
    Uma que é espaço municipal se nao me engano e pq alem de promover esse lixo ainda cobram pra entrar neses bailes.

    Sera que é algum amigo de algum politico daqui que arrenda esse espaço para faturaram?

  2. Pessoal, como o ser humano consegui aceitar essas porcarias que tocam nas favelas, é só ligar para a polícia, é por isso que essa modinha de funk pega, os pais deixam seus filhos saírem de casa a noite, e eles vão todos para essa baderna, ai vem a policia e pica a bala de borracha, eu acho é bom, tem que fazer isso mesmo, e mesmo assim esses vagabundo ainda ficam fazendo barulho, é por isso que eu chamo a policia mesmo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.