Ciclistas vêm a Taboão discutir ciclovia do município

CicloviaEstá marcado para as duas da tarde deste sábado, dia 14, uma reunião – em frente ao Parque das Hortênsias – entre moradores, ciclistas e representantes do Instituto CicloBR para discutir a ciclovia que está em processo de construção no município de Taboão da Serra.

Segundo o instituto, será feita “uma avaliação do sistema cicloviário” para que seja apresentado à comunidade.

O tema ganhou destaque nos últimos dias, principalmente na Internet, depois que um vídeo publicado no site Youtube [ver abaixo] questiona a necessidade da ciclovia.

Quando: Sábado, dia 14/08, a partir das 14h

Onde: Estacionamento do Parque das Hortênsias

Da Redação

Foto: CicloBR

0 comentário em “Ciclistas vêm a Taboão discutir ciclovia do município”

  1. Avatar

    Quem fez esse vídeo pra começar não possui nenhum conhecimento sobre a ciclovia..essa obra não tem nada a ver com a Secretaria de Transportes e sim com a Secretaria de Habitação.

    O cidadão faz tantas críticas e esquece inclusive de realizar a manobra em local permitido. Note que o mesmo efetua um “contorno” de forma totalmente irregular..

    Certos aspectos tem que ser revistos no que diz respeito a ciclovia, porém antes de criticar,saiba o que fala

  2. Avatar

    Prezado Edu,

    Não precisamos, nós população, saber o que é ciclovia para perceber que há falhas graves na nossa. As secretarias responsáveis, sejam quais forem, juntas precisam tomar as providências necessárias para que ninguém se machuque. A habilidade ou não do autor do vídeo, bem como sua capacidade de dirigir são detalhes insignificantes perto do serviço que nos prestou de mostrar essa ciclovia desnecessária, não sinalizada, de mãos exíguas (quando o cara VOLTAR qual pista deve utilizar? Caso seja a pista em que ele fique de costas para o trânsito, não corre o risco de ser ATROPELADO?), coisa que os grandes sites da cidade se omitem fazer.

    Edu, saia da escuridão em que vive. Aceite o fato de que existe uma realidade lá fora, realidade que peneiras não podem tapar. Se assim o fizer, vai enxergar fatos simples como a concentração absoluta de poder que a tal ‘urgência especial’ traz às mãos do prefeito, que aumento de imposto na proporção do IPTU 2010 não é abusivo, é mesmo é ABSURDO, que a alardeada ‘participação popular’ é apenas uma fábula e que a nossa educação, sem o prof. Calegari aqui para inflar nossos egos com prêmios da ONU, é ‘pobrinha’ impossível de ser referência para o Brasil, quanto mais para o mundo.

    Basta pegar seu carro e percorrer a cidade, falar incógnito (sem estrela vermelha, broche da Rosiane, microfone do CQC ou o crachá ‘imprensa’ na lapela) com as pessoas, técnica que o papa João XXIII usava com grande sucesso, ouvir o que os moradores dizem, acham e conhecem, espírito desarmado e desejo sincero de aprender.

    Se quiser, melhor ainda, vá de bicicleta pela ciclovia para um ‘test drive’.

    A experiência de ver as coisas como são, Edu, dói um pouco no começo, mas é profundamente libertadora. Você dormirá melhor, informará melhor, terá um sentido para a sua vida. Você descobrirá que é um de nós, povo sofrido e espoliado, atolado de discursos e carente de providências e, talvez, por estar no mesmo barco que nós, perceba que temos direito de reclamar e não apenas o de rezar para que os céus iluminem o governo municipal fazendo com que cuide melhor da cidade e de seus habitantes.

    De qualquer forma, fique com Deus.

    Sudaia
    blogdosudaia.blogger.com.br

  3. Pingback: GCM reprime manifestação por retirada de ciclovia em Taboão da Serra

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este anúncio custou aos cofres públicos municipal a quantia de R$ 1.100,00.