Conselho Federal de Enfermagem confere “Prêmio Anna Nery” à Analice Fernandes

Da assessoria da deputada

A deputada estadual Analice Fernandes recebeu o Prêmio Anna Nery, do COFEN – Conselho Federal de Enfermagem, durante o 22º Congresso Nacional dos Conselhos de Enfermagem realizado em Foz do Iguaçu, dia 13 de novembro.

“É uma honra receber o maior prêmio de enfermagem do país, como enfermeira e como deputada fico muito grata, pelo reconhecimento a nossa luta”, afirmou a deputada Analice.

A parlamentar foi indicada pelo COREN-SP, e seu nome foi aprovado em sessão com representação nacional.  Segundo a presidente do COREN-SP, Renata Pietro a deputada Analice tem feito projetos de Lei que levam para o debate o exercício e a valorização da enfermagem, como o Projeto das 30 horas”, avalia.

Cerimônia do Cofen que concedeu à Analice Fernandes o prêmio Anna Nery.

Para o vice-presidente do COREN-SP, Cláudio Silveira, a deputada Analice tem sido a voz da enfermagem na Assembleia Legislativa de São Paulo.

O Projeto de Lei 347/2018 que estabelece a jornada de 30 horas para a enfermagem foi aprovado pelo plenário, mas vetado pelo Governo do Estado. O PL voltará a ser pautada e para se tornar Lei, precisa que a maioria dos deputados derrubem o veto.

Outro projeto de Lei da deputada Analice, que cria a sala de descompressão para a enfermagem em hospitais públicos e privados, está pronto para o Congresso de Comissões e pode ir a plenário ainda este ano.

Quem foi Anna Nery

Anna Nery, nasceu em 13 de dezembro de 1814 e ficou nacionalmente conhecida por integrar na condição de enfermeira o 10º Batalhão de Voluntários da Guerra do Paraguai. Prestou serviços ininterruptos nos hospitais de Salto de Corrientes, Humaitá e Assunção, tendo perdido seu filho na Guerra. Ela morreu aos 65 anos. A primeira Escola Oficial Brasileira de Enfermagem de alto padrão. Criada em 1923 teve o seu nome

Este anúncio custou aos cofres públicos municipal a quantia de R$ 1.100,00.