loader-image
temperature icon 24°C

Governo anuncia retomada das aulas presenciais em universidades e escolas técnicas a partir de 2 de agosto

Compartilhar notícia

Por Samara Matos, na redação

O governo de São Paulo anunciou nesta quarta-feira (7) a retomada das aulas presenciais nas universidades do estado e nas escolas de ensino técnico a partir de 2 de agosto.

Segundo o governador João Doria (PSDB), as instituições de ensino superior. Como as universidades e as faculdades técnicas, poderão receber presencialmente até 60% do total de alunos. Já as de ensino técnico de nível médio, como as ETECs do Centro Paula Souza, seguem as mesmas regras da educação básica, ou seja, não têm limite de ocupação.

O início das aulas presenciais nos ensinos técnico e superior deve ocorrer antes da vacinação contra Covid-19 de jovens com idade de 18 a 24 anos. Que compõem boa parte dos estudantes dessas categorias. De acordo com o calendário estadua. A vacinação para a faixa etária de 18 a 24 anos deve ocorrer entre os dias 1º e 15 de setembro.

A capacidade máxima de 60% dos estudantes de ensino superior não se aplica aos cursos da área da saúde. Sendo assim, que podem receber presencialmente 100% dos alunos matriculados. Foram incluídos na categoria da saúde também os cursos de Saúde Coletiva, Saúde Pública e Medicina Veterinária.

Além disso, atividades práticas, laboratoriais e estágios de cursos superiores em todas as áreas também poderão ocorrer presencialmente, sem limite de ocupação.

A publicação também definiu as novas regras para as escolas da Educação Básica. A partir de agora, o distanciamento que antes era de 1,5 metro passa a ser de apenas 1 metro. As escolas ficam autorizadas a receber estudantes presencialmente para planejar atividades conforme a sua capacidade física.

Veja também