Governo de SP prorroga quarentena até 31 de maio

Por Samara Matos, na redação

Nesta sexta-feira (8), o governador João Doria (PSDB) decidiu prorrogar a quarentena no estado de São Paulo. O período no qual só funcionam serviços essenciais em todo o estado estava previsto para acabar no próximo dia 10, mas será prorrogado até 31 de maio. Esta é a terceira vez que o governo aumenta o prazo.

“Teremos que prorrogar a quarentena até o dia 31 de maio. Queremos, sim, em breve juntos poder anunciar a retomada gradual da economia como, aliás, está previsto no Plano São Paulo. A experiência de outros países, e nós temos utilizado essas experiências aqui, mostram claramente o colapso da saúde e, quando isso acontece, paralisa tudo”, disse Doria

O motivo é o aumento de casos e número de mortes pelo novo coronavírus. O governo de São Paulo trabalha com a meta de atingir 50% a 60% de isolamento social para iniciar a flexibilização da quarentena, mas as autoridades de saúde apontam que a taxa ideal seria de 70%. Número em que está sendo difícil atingir.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.