loader-image
temperature icon 21°C

Jovem de 22 anos é morto a tiros dentro de barbearia em Embu das Artes

Compartilhar notícia

Direto da redação, informações UOL

Um jovem de 22 anos foi morto a tiros em uma barbearia na última terça-feira (22), no bairro Pirajussara, em Embu das Artes. Mas, a prima e o namorado da vítima, identificado por eles como Gabriel, suspeitam que o crime tenha sido motivado por homofobia.

Segundo o boletim de ocorrência, registrado na Delegacia de Embu das Artes, o dono da barbearia contou aos policiais que o jovem chegou o local para cortar o cabelo. Instantes depois, um suspeito entrou no estabelecimento, disparou contra a vítima e fugiu.

No Instagram, o namorado do jovem contou que eles estavam juntos há quase três anos. Portanto, segundo o relato, os dois moravam juntos, mas devido às dificuldades durante a pandemia, cada um voltou para a casa da mãe. Há poucos dias, Gabriel e o namorado tinham conseguido novos empregos e esperavam voltar a morar juntos.

“E há quatro dias fui contratado, foi a melhor notícia que tivemos e já começamos a fazer nossos planos de quando iríamos pra nossa casinha e nessa terça-feira ele foi assassinado a sangue frio com três tiros na cabeça, dentro de uma barbearia em Embu das Artes, mataram ele, pelo que ele é, por ele ser feliz, por ele amar, uma pessoa de coração puro, que não tinha maldade com ninguém, sempre estendia a mão para ajudar o próximo, e hoje tive que ser Obrigado a me despedir do amor da minha vida, com muita dor no peito e tristeza”, escreveu ele no post. A polícia não confirmou com quantos tiros Gabriel foi morto.

Em suma, o caso foi registrado como homicídio na Delegacia de Embu das Artes.

Veja também