loader-image
temperature icon 23°C

Justiça de Taboão mantém presos os acusados de fraudar dívida ativa

Compartilhar notícia

A Justiça de Taboão da Serra decidiu manter presos todos os acusados de fraudarem a dívida ativa do município. A decisão da Juíza Flávia Castellar Olivério, da 2ª vara de Taboão da Serra, saiu na noite desta quarta-feira, dia 15, às 21h40, informou o portal O Taboanense. Entre os presos estão três secretários municipais, um vereador, empresário, servidores e ex-servidores municipais, além da esposa de um vereador que já está preso desde o início de maio.

Por volta da meia-noite, os presos, todos visivelmente abatidos, foram levados ao Instituto Médico Legal para efetuar o exame de corpo delito. No início desta tarde, eles devem ser transferidos para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Itapecerica da Serra onde vão aguardar a decisão da Justiça.

iml
Presos são levados pela polícia ao IML para realizar exames no início da madrugada de quinta-feira, dia 16

Batizada de ‘Operação Cleptocracia’, a polícia já prendeu mais de 20 pessoas acusadas de pertencerem a uma “Organização Criminosa [que] é composta por: servidores e ex-servidores públicos municipais; concursados e comissionados, esses agiram e ou ainda agem, em conluio com municípes, civis e Vereadores desta Cidade, com firme propósito de surripiar à Fazenda Pública Municipal. Se valendo de ações criminosas”, acusa a polícia em seu relatório.

Da Redação

Veja também