loader-image
temperature icon 20°C

Mais um trecho da Av. Armando Andrade desmorona e é interditada

Compartilhar notícia

Avenida Interditada
Mais um trecho da Avenida Armando Andrade é interditada

Mais uma parte da Avenida Armando Andrade em Taboão da Serra, entre a UBS Akira Tada e o 1º Distrito Policial, teve que ser interditada por problemas de desmoronamento na beira do Córrego Poá. O trecho fica a menos de 500 metros do outro ponto já interditado, desde o início deste ano.

PedestreCom a interdição, mais uma parte da calçada foi totalmente interditada e a ciclovia continua com apenas um cantinho. Nesta sexta-feira, dia 11, a reportagem do TF flagrou alguns pedestres andando pelo meio da via, que tem intensa circulação de veículos e ônibus.

Em fevereiro de 2010, o local já havia apresentado os mesmos problemas e uma cortina de concreto foi construída para conter o desmoronamento.

A reportagem entrou em contato com a Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Taboão da Serra, mas até a publicação desta matéria não havia uma resposta definitiva do que será feito no local [veja a nota abaixo]. O Secretário de Obras, Ricardo Rezende, está afastado por problemas de saúde e por isso não foi procurado pela reportagem.


Confira abaixo a Nota Oficial da Prefeitura de Taboão da Serra enviada ao TF

Nota sobre reparos na Av. Armando Andrade

A  Prefeitura de Taboão da Serra, através da Secretaria de Obras, Infraestrutura e Serviços Urbanos, informa que assinou,  no final do ano passado, um contrato de financiamento  com o Governo Federal , através da  Caixa Econômica,  no valor de R$64.199.380,43 para obras de canalização e melhorias do Córrego Poá, pelo Programa Saneamento para Todos.

Essa importante obra está em processo final de licitação e liberação ambiental pelo Departamento de Águas e Energia Elétrica – DAEE. Tão logo esse processo seja concluído e a empresa vencedora conhecida, as obras de canalização total deste córrego serão imediatamente iniciadas.

A previsão é de que, no máximo, isso deva ocorrer em quatro meses. A Prefeitura informa ainda que a Av. Armando Andrade permanece transitável, apenas havendo interdição parcial da calçada e da ciclovia em dois pontos.

Vale lembrar que para, uma intervenção maior e mais duradoura, é necessário aguardar o término do período de chuvas fortes que estamos vivendo. Caso a situação no trecho piore com as chuvas, a Prefeitura estudará formas de uma intervenção imediata, para garantir o fluxo de veículos no local, minimizando assim, os transtornos para a população.

Por Allan dos Reis

Post Alterado para Inclusão da Nota Oficial da Prefeitura de Taboão da Serra

Veja também