Metrô Taboão da Serra: Reunião do prefeito Aprígio com Governo do Estado e CCR tem “avanços significativos”

Direto da Redação, com informações da PMTS

O sonho de milhares de taboanenses de que a expansão da Linha 4-Amarela chegue até Taboão da Serra ganhou novos capítulos nos últimos dias. Na quarta-feira (20) o prefeito Aprígio se reuniu – mais uma vez – com representantes do metrô, do Governo do Estado e da CCR e teve “avanços significativos”. O deputado estadual Dr. Eduardo Nóbrega também participou da última reunião.

A proposta é que a Estação Taboão da Serra do metrô seja construída ao lado da nova Prefeitura, em uma área que abriga uma concessionária desativada, a Sorana Sul. Junto teria um terminal de ônibus.

“Esta expansão é um marco para a mobilidade urbana e o desenvolvimento da nossa cidade. Estamos comprometidos em trazer melhorias significativas para a população de Taboão da Serra, e a expansão do Metrô é um passo crucial nesse sentido”, diz o prefeito Aprígio.

Prefeito Aprígio recebe deputado Dr. Eduardo Nóbrega e representantes do Governo do Estado e da CCR para discutir chegada do metrô a Taboão da Serra. (Foto: Divulgação / PMTS)

Ainda não é possível divulgar data para início das obras e inauguração da Estação do Metrô Taboão da Serra. Porém, o governador Tarcísio de Freitas tem repetido em diversas entrevistas que haverá expansão da Linha 4-Amarela até o município.

A reunião teve a presença de André Isper Barnabé, Secretário Executivo da Secretaria de Parcerias em Investimentos do Governo do Estado de São Paulo e Coordenador-Geral da Comissão de Monitoramento de Concessões e Permissões (CMCP), Jelson Siqueira, Coordenador do Metrô de São Paulo, Daniela Ribeiro de Melo, gerente de novos negócios da CCR, e André Delmondes Filho, Especialista de Engenharia – Geotecnia, além de secretários municipais.

O Prefeito Aprígio também expressou sua gratidão a Tarcísio de Freitas. “O Governador foi essencial para destravar essa iniciativa que estava estagnada por mais de 20 anos, com as promessas vazias dos governos passados. Seu apoio foi fundamental para que o projeto executivo fosse realidade”, completou Aprígio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.