Nos pênaltis, Coritiba vence o Internacional e vai às quartas

Coritiba, que na primeira fase goleou o Taboão por 7 a zero, vence nos pênaltis. (Foto: Coritiba FC / Divulgação)
Coritiba, que na primeira fase goleou o Taboão por 7 a zero, vence nos pênaltis. (Foto: Coritiba FC / Divulgação)

Na disputa por mais uma vaga pelas oitavas de final, na decisão por pênaltis, o Coritiba venceu o Internacional por 4 a 2, após empatar por 1 a 1 no tempo normal, na Arena Barueri, e garantiu a classificação para as quartas de final da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Devido às chuvas que castigaram a cidade de Barueri nesta quarta-feira (18), o gramado ficou pesado e o primeiro tempo começou lento. Aos poucos, as chances de gol foram aparecendo e os dois times arriscaram chutes de longa distância. O Internacional comandou as jogadas de ataque e Victor Brasil fez pelo menos quatro boas defesas em finalizações de Thiago e Nathan.

Nos contra-ataques, o Coxa levou perigo com Thiago, que também fez Jandrei trabalhar, mas o placar foi para o intervalo sem alterações.

No segundo tempo, o Internacional continuou buscando a abertura do placar, mas o Coritiba ameaçava nos contragolpes. Aos 20 minutos, André puxou a camisa de José Rafael dentro da área e o árbitro marcou pênalti. Denner foi para a cobrança e com muita tranqüilidade bateu no canto direito de Jandrei para fazer o primeiro gol da partida para o Coxa.

O Internacional pressionou em busca do empate e teve ótima chance com Tarik, que sofreu penalidade máxima e foi para a bola, mas a cobrança parou nas mãos de Victor Brasil, que espalmou para frente. No rebote, Tarik chutou por cima do gol.

A partir daí, o Coritiba segurou a vantagem, trocou passes e fechou os espaços para sair vencedor, mas aos 46 minutos, após escanteio da esquerda, Pedro Victor subiu mais que a zaga do Coxa e saiu para o abraço, empatando o duelo e levando a decisão para as penalidades máximas.

Nas cobranças de pênaltis, Jandrei se adiantou e defendeu o chute de Willian. Na sequência, Rafinha bateu forte, mas carimbou a trave de Victor: 1 a 1. Pouco depois, Fred cobrou forte e Victor Brasil voou na bola para espalmar. Thiago Primão foi para a bola e arrematou o último pênalti do Coxa, fez 4 a 2, e decretou a classificação dos paranaenses.

Nas quartas de final, o adversário do Coritiba será o Vitória (BA), duelo que acontece nesta sexta-feira (20).

Do site da FPF

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.