Pastor é preso em Embu-Guaçu acusado de matar e queimar esposa há 11 anos no Piauí

Direto da Redação

A Polícia Civil de São Paulo prendeu na última sexta-feira (7) no município de Embu-Guaçu um homem acusado de matar e ocultar o corpo da esposa em 2012. O crime aconteceu no município de Colônia do Piauí, localizado na região sul daquele estado.

Antônio de S. é acusado de matar a esposa e atear fogo nela. Quando seu corpo foi encontrado a mais de 200 km de distância do local do crime, já estava em estado de decomposição. A suspeita é que tenha feito uso de facão ou foice.

“Após a prática do crime, o réu ateou fogo no corpo da vítima e se evadiu para o Estado de São Paulo e, desde então, estava em destino incerto ignorado até a data de hoje, quando então foi cumprida sua prisão pela Polícia Civil de São Paulo. Essa operação mostra àqueles que cometem crimes no Piauí, não importa quando ou onde, as nossas Forças de Segurança irão dar cumprimento às ordens judiciais de prisão expedidas pelo Poder Judiciário Piauiense”, concluiu o Diretoria de Inteligência da SSP/PI, delegado Anchieta Nery.

Na região, o acusado de homicídio atuava como pastor da “Igreja Templo de Deus Altíssimo”. Segundo as autoridades policiais, ele também é acusado de mais duas mortes, sendo uma em São Paulo e outra no Piauí.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.