loader-image
temperature icon 21°C

Polícia prende em Taboão da Serra acusados de roubar armas

Compartilhar notícia

pmA Polícia Militar prendeu dois homens, às 15h23 desta sexta-feira (14), acusados de roubar as armas de vigilantes de uma agência bancária, na Estrada do Campo Limpo, na Vila Alteza, na zona sul da Capital. O desempregado J.R.S., de 21 anos e, L.T.R., de 32, foram detidos em flagrante.

Policiais militares da 4ª Companhia do 36º Batalhão da Polícia Militar Metropolitana (36º BPM/M) foram chamados para acompanhar um Kadett vermelho, onde estariam dois homens acusados de roubar as armas de vigilantes de um banco.

Na rua Henrique Robba, em Taboão da Serra, na Grande São Paulo, o condutor do Kadett perdeu o controle do veículo e os policiais militares fizeram a abordagem. Com a dupla foram encontradas as cinco armas dos vigilantes do banco. J.R.S. e L.T.R. contaram para a polícia que o objetivo era roubar o dinheiro dos caixas eletrônicos.

Segundo relatos de testemunhas, a dupla entrou no banco no horário de manutenção dos caixas eletrônicos, às 15h10. E, fazendo uma cliente refém, conseguiu roubar as armas dos vigilantes. Um dos seguranças, após ter seu revólver levado, saiu para pedir socorro – momento em que os acusados fugiram.

Todos foram levados para o 1º Distrito Policial de Taboão da Serra e interrogados. A dupla foi reconhecida pelos vigilantes. A autoridade policial requisitou exame residuográfico e perícia para o local, assim como exame de corpo de delito aos indiciados. J. e L. permanecem presos, à disposição da Justiça.

Por Giselle Monteiro

Da Secretaria de Segurança Pública

Veja também