loader-image
temperature icon 25°C

Réplica da cruz da jornada de jovens católicos segue para igreja no Pirajuçara

Compartilhar notícia

Por Adilson Oliveira, no Pirajuçara, em Taboão da Serra

Nesta terça-feira, dia 12, réplica da cruz da Jornada Mundial da Juventude, evento católico idealizado nos anos 1980 pelo então papa João Paulo 2º, segue para a Paróquia Santa Ana no Jardim Panorama, na região do Pirajuçara, Taboão da Serra, onde chega à tarde. Jovens são convidados a participar da recepção. A cruz e o ícone (quadro) de Nossa Senhora, que a acompanha, sairão da Paróquia São João Batista na estrada Kizaemon Takeuti, em carro aberto.


Cruz da JMJ e ícone de Nossa Senhora são levados ao altar da Paróquia São João Batista na região do Pirajuçara (Foto: Adilson Oliveira/Taboão em Foco - 10.jun.12)

Os símbolos estão na igreja no Jardim Roberto desde a tarde de sábado, dia 9. Das mãos do padre e fiéis da Paróquia Santíssimo Sacramento, a cruz e o ícone foram recebidos em frente à Igreja São Sebastião e carregados à matriz por cerca de 30 jovens – com a melhora do tempo, decidiram realizar a recepção na comunidade no Jardim Maria Luiza e a procissão até a sede da paróquia. Na matriz, a juventude participou de momento de cantos (louvor), palestras, celebração da palavra de Deus e vigília (oração).

De forma solene, os jovens entraram com os símbolos na igreja durante missa na noite de domingo, dia 10. Foram necessárias dez pessoas para carregar a cruz – com 3,80 metros de altura e 1,70 metro de largura e cerca de 40 quilos. “Veio de Itu essa cruz?”, brincou o padre Juarês Martins. “A cruz é o símbolo do cristão. Ao olharmos para ela, devemos agradecer a Jesus, que aceitou morrer na cruz, dando a sua vida para a salvação de todos nós”, pregou o celebrante.

Veja também