loader-image
temperature icon 14°C

SP isenta do rodízio de veículos todas as pessoas com deficiência

Compartilhar notícia

Por Samara Matos, na redação

A cidade de São Paulo decidiu isentar os condutores com deficiência da obrigação de obedecerem ao rodízio de veículos na cidade. Em suma, a decisão veio após a instauração de inquérito pela Promotoria de Justiça de Direitos Humanos.

A investigação foi aberta para apurar uma eventual discriminação às pessoas com deficiência. O Decreto Municipal nº 58.584/2018 não estabelece isenção do rodízio a todos os condutores com deficiência, mas somente aos com problemas de mobilidade, deixando de fora, por exemplo, aqueles com deficiência nos membros superiores.

A atuação da Promotoria resultou na liberação integral do rodízio para PCDs, publicada no Diário Oficial desta segunda-feira (5), regularizando as inadequações legislativas. Após isso, o membro do MPSP (Ministério Público de São Paulo) Wilson Tafner promoveu o arquivamento do inquérito.

Veja também